Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

CNIL realiza a Taa H2O

Rosa Panzo - 14 de Novembro, 2019

Fotografia: Edies Novembro

O Clube Náutico da Ilha de Luanda acolhe no dia 30 do corrente, a primeira edição da Taça H2O com o objectivo de levar ao conhecimento dos atletas nacionais as novas regras da Federação Internacional de Natação (FINA). A informação é de Carlos Alberto, técnico principal da alta competição daquela agremiação desportiva.
O técnico informou que a prova vai ser disputada em três fases. A segunda está marcada para o dia 25 de Janeiro e a terceira fase para o dia 18 de Abril de 2020. O regulamento confere 18 provas no total, num rácio de seis para cada uma das fases. Os atletas vão tomar conhecimento da participação em cada um dos sorteios a serem realizados duas semanas antes do início de cada fase.
Na última fase, os atletas vão formar equipas para disputar a prova de estafeta. Em Angola, o certame constitui novidade.
"Pela primeira vez, vamos ter uma prova em que os nadadores do CNIL ou de outro clube vão  formar equipas de estafeta com atletas do 1º de Agosto, ONDA ou outro clube qualquer. A escolha é um direito reservado a cada um dos atletas, sem a intervenção das direcções de clubes", explicou.
Para o treinador, "o objectivo dessa prova é aproximar os atletas nacionais para uma convivência mais aberta, uma vez que só a têm na selecção nacional".
O regulamento da competição estipula que os atletas até dez anos de idade só podem participar em duas provas e dos 11 em adiante fazem três em cada uma das fases. A premiação vai ser feita por idade, assim como as escolhas da melhor equipa masculina e a feminina e o melhor clube.