Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Comissão declina atraso nos trabalhos

Melo Clemente - 17 de Julho, 2015

António Manuel da Luz garante prontidão

Fotografia: Santos Pedro

A Comissão Preparatória dos XI Jogos Africanos do Congo Brazzaville declinou qualquer responsabilidade, sobre o início tardio dos trabalhos de preparação das selecções nacionais de basquetebol, em ambas as classes, visando a competição, certame a decorrer de 09 a 18 de Setembro deste ano.

O facto foi revelado ontem ao Jornal dos Desportos por António Manuel da Luz, chefe da Comissão Preparatória dos XI Jogos Africanos do Congo Brazzaville.

De acordo com aquele responsável, o Ministério da Juventude e Desportos por via da Comissão Preparatória dos Jogos já colocou as condições técnicas e logísticas à disposição das mais distintas federações mas, incompreensivelmente, algumas até ao momento ainda não deram início aos trabalhos de preparação.

"Devo-lhe assegurar que a Comissão Preparatória já criou as condições quer técnicas, quer logísticas para as mais variadas federações darem início aos trabalhos de preparação. Em relação ao basquetebol por exemplo, nós já disponibilizámos o campo para o treino assim como a merenda. Agora, se até ao momento não deram início aos trabalhos de preparação, não foi seguramente por culpa nossa, porque nós, repito, colocámos à disposição das federações as condições técnicas e logísticas", asseverou António Manuel da Luz que também é secretário-geral do Comité Paralímpico Angolano (CPA).

António Manuel da Luz disse, por outro lado, que a FAB ainda não mandou o seu plano de preparação para os XI Jogos Africanos do Congo Brazzaville.
Entretanto, Nuno Teixeira, coordenador da Selecção Nacional masculina B, confirmou a disponibilidade das condições técnicas e logísticas, tendo afirmado que os trabalhos de preparação vão arrancar nos próximos dias.

"Foram-nos colocadas estas condições apenas na quarta-feira. Creio que nos próximos dias o técnico Carlos Dinis vai dar início aos trabalhos de preparação", disse.

Para os XI Jogos Africanos, Carlos Dinis convocou 26 atletas, com destaque para Armando Costa, Hermenegildo Santos, Edmir Lucas, Edson Ndoniema, Reggie Moore, Felizardo Ambrósio "Miller", Mohamed Cissé Malick, Domingos Bonifácio, Yanick Moreira, Sílvio Sousa e Roberto Fortes, todos integrantes da Selecção Nacional que projecta em Espanha o Afrobasket da Tunísia.