Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Contador abandona a volta

16 de Julho, 2014

Alberto Contador era um dos grandes favoritos à vitória na Volta a França em bicicleta

Fotografia: DR

Alberto Contador desistiu segunda-feira da Volta a França em bicicleta, cinco dias depois de Chris Froome ter abandonado, também por queda.
Únicos candidatos óbvios, Alberto Contador (Tinkoff-Saxo), vencedor em 2007 e 2009 e vencedor desclassificado em 2010 e Chris Froome (Sky), campeão de 2013, despediram-se do Tour com cinco etapas de diferença, mas pelo mesmo motivo: queda.

Na descida entre Petit Ballon e o Col du Platzerwasel, no meio da ligação entre Mulhouse e La Planche des Belles Filles, o espanhol caiu sozinho – a transmissão televisiva não apanhou a  queda, - levantou-se e foi prontamente assistido, precisou de ligar o joelho direito e de trocar um sapato desfeito, trocou de bicicleta e voltou à estrada.

Nas imagens, Contador estava visivelmente combalido, a pedalar muito devagar agarrado ao carro da equipa, enquanto falava com o director desportivo Bjarne Riis, apresentava escoriações por todo o corpo, mas essencialmente nas costas.

O “calvário” do líder da Tinkoff-Saxo terminou 15 quilómetros depois da queda, quando pôs o pé no chão, após  abraçar o companheiro Michael Rogers, um dos cinco escudeiros que o rodeavam.

Ao entrar no carro da equipa, Contador chorava , uma vez que chegou o fim o seu sonho de recuperar a sua terceira amarela, aquela que perdeu em 2010 devido a um positivo por clembuterol. “No momento do abandono, estava inteiro, mas o pior é por dentro”, disse o assessor de imprensa do espanhol, Jacinto Vidarte, que indicou que o corredor vai ser examinado na terça-feira.

A desistência do madrileno, de 31 anos, ocorre cinco etapas depois de Chris Froome (Sky) ter abandonado, depois de cair duas vezes na quinta etapa e uma na quarta.

O britânico, que defendia o título, sofreu duas fracturas na sequência das quedas.
O caminho parece agora mais fácil para o italiano Vincenzo Nibali (Astana), o principal favorito depois de Contador e Froome e também para o português Rui Costa (Lampre-Merida), um dos grandes candidatos ao pódio.

CICLISMO
Cancellara abandona
por outros objectivos


Fabian Cancellara (Trek), quatro vezes campeão do Mundo de contra-relógio, vai abandonar a Volta a França, falhando a partida para a 11.ª etapa, hoje.

A decisão foi anunciada na conferência de imprensa do primeiro dia de descanso da "Grande Boucle". Fabian reconheceu a prioridade em centrar-se noutros objectivos, entre os quais provavelmente os Mundiais de Ponferrada, em Espanha, e em particular a prova de contra-relógio.
Nos Mundiais, que vão ser disputados entre 21 e 28 de Setembro, vai ter como principal "rival" no "crono" Tony Martin (Omega Pharma-Quik Step), actual tricampeão do Mundo.

Cancellara ocupa actualmente o 34.º lugar, a 29.07 minutos do líder da classificação,  Vincenzo Nibali (Astana).