Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Coronavrus ameaa GP do Vietname

27 de Fevereiro, 2020

Fotografia: DR

As questões decorrentes do impacto do coronavírus estão a causar cada vez mais danos na sociedade em geral, e como seria de esperar, também no automobilismo. Sendo uma actividade que movimenta muitos milhares de pessoas em viagens por todo o mundo, todos os envolvidos no desporto motorizado estão em potencial maior risco que o resto da população.

Neste contexto, depois de várias anulações de provas na China, não deve demorar muito a que decisões semelhantes sejam tomadas noutras áreas, num caso que pode até terminar com o cancelamento dos Jogos Olímpicos do Japão e o Europeu de Futebol.

Depois do GP da China de F1 ter sido ‘adiado’ sine die, agora é a vez do Grande Prémio do Vietname ficar em risco. Em Itália as coisas também não andam fáceis. Ambos os países, como se sabe, têm corridas de Fórmula 1 e muitas outras de diversas competições internacionais. 

No Vietname já estão a impedir a entrada no país de pessoas vindas da Coreia do Sul, Japão, Irão e Itália, embora haja excepções que envolvem uma quarentena de duas semanas e isto vai impactar no GP do Vietname, previsto para Hanói, pois a Ferrari e a AlphaTauri têm imensos colaboradores oriundos de Itália, sendo que a Honda tem, naturalmente, japoneses.

Vamos ver como tudo evolui, mas esta medida do governo vietnamita vai ter consequências por parte da FIA, pois são três equipas directamente afectadas.

Entretanto, o comité de organização dos Jogos Olímpicos de Tóquio2020 garantiu ontem que a propagação do coronavírus no Japão não abriu para já um debate sobre a possibilidade de cancelar o evento desportivo, agendado para entre os dias 24 de Julho a 9 de Agosto.

“Nunca debatemos o cancelamento dos Jogos. A preparação continua como prevista”, informou a organização à AFP. O surto já afectou o calendário de várias competições, com o caso mais recente a ser a Maratona de Bolonha, agendada para domingo próximo, mas que não irá realizar-se.