Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Cortina fecha no Gamek

Helder Jeremias - 04 de Novembro, 2019

Campeo provincial pode terminar no lugar mais alto do pdio

Fotografia: Contreiras Pipa| Edies Novembro

Com Fernas Baptista vestido de título de campeão de 2019, as emoções do campeonato provincial de motocrosse de Luanda continuam contagiantes. O pano vai cair no próximo sábado, a partir das 13h00, no circuito Jorge Varela, ao bairro do Gamek, e as expectativas do público são elevadas em todas as categorias.
Na classe 250cc, Fernas Baptista augura terminar no lugar mais alto do pódio para fazer jus ao estatuto: é o melhor angolano da actualidade. O piloto do Team Transchipeta arrebata o primeiro título provincial da carreira, depois de acumular os dois do campeonato angolano de motocross em 2017 e 2018.
A missão não é de todo impossível para quem soma seis vitórias. Fernas Baptista travou despique com os adversários directos, mas sempre os arrumou nos devidos lugares. Augusto Congo \"Augugo\", Alfredo Chilola, Branquinho Pina, Etelvino Sebastião despontam numa fase em que Zé Cazenga se vê abraços com a falta de uma equipa. As condições técnicas \"excelentes\" de Fernas Baptista permita-lhe \"impor as regras\" sobre os adversários em qualquer pista do país.
Quem fecha a época no lugar mais alto do pódio? A pergunta está aberta até sábado. Levar o troféu da \"independência nacional\" é o maior orgulho de qualquer piloto. Tal como aconteceu no Grande Prémio Paddock, Augusto Congo \"Augugo\" pretende repetir a proeza e aumentar os troféus na galeria pessoal. A boa desenvoltura e a técnica empreendida colocaram Fernas Baptistas fora do lugar mais alto do pódio. No fecho da época, a luta pode ser diferente. O piloto de Benguela vai entrar mais precavido para evitar a \"ultrapassagem à direita\". A perda do troféu do GP Paddock continua a fazer mossa no campeão. É um dos mais importantes e com grande prestígio na carreira do piloto.
\"Temos a prova final pela frente e devemos estar focados para fechar a época com chave de ouro\", disse o campeão. A promessa de Fernas faz referência à obtenção da sétima vitória em oito possíveis.
Hoje, na pele de campeão, afirma que a conquista do título do campeonato de Luanda é \"prestigiante\".
\"Sinto-me feliz por conquistar o título de forma antecipada. Esse resultado é fruto de um trabalho de equipa. Por isso, agradeço a todos que me apoiam de forma incondicional\", enalteceu.
A Comissão de Gestão da Associação Provincial de Motocross de Luanda, liderada por Osvaldo Gouveia, fez disputar na época 2019 quatro provas na província de Luanda, duas (GP Caconda e GP Quilengues) na Huíla e uma (GP Kizomba ku Malanje) em Malanje.