Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Criança em Movimento supera as expectativas

Hélder Jeremias - 24 de Dezembro, 2013

“A iniciativa deve ser louvada por toda a sociedade e servir de exemplo para que mais crianças possam ver as suas vidas mudadas para melhor, tal como sucede com as actuais beneficiadas”.

Fotografia: Jornal dos Desportos

O balanço do primeiro ano do projecto filantrópico “Criança em Movimento”, criado pela antiga atleta, Ana Balbina e amadrinhado pela primeira-dama da República, Ana Paula dos Santos, superou às expectativas da direcção, de acordo com o coordenador, João Almeida. Iniciado a 12 de Março do ano em prestes a finalizar, no Campo Polivalente do Kifica, distrito de Belas, o projecto organizou, de terça-feira a domingo último, o torneio Manoel Razóilo, também denominado “Feliz Natal”, em que as 80 crianças exibiram níveis satisfatórios perante uma audiência de personalidades notáveis da sociedade, com destaque para a doutora Ana Paula dos Santos e Ana Balbina.

As crianças, no início do projecto eram desprovidas de qualquer conhecimento sobre o ténis, encheram de orgulho as mentoras do projecto, não só pela boa aparência fisionómica, mas também pelo comportamento cívico, desde a linguagem e o espírito de camaradagem com que estão a ser moldadas. No final das partidas, “a madrinha” procedeu à entrega de cestas básicas para cada uma das crianças, com quem partilhou momentos de harmonia, exteriorizou a sua alegria por “ajudar a proporcionar uma vida mais condigna”, com base na prática do desporto e de alimentação saudável. 

A Primeira-Dama reiterou a disposição de continuar a apoiar o projecto, e mostrou-se convicta de um futuro melhor para cada uma das crianças, “de modo que a sociedade possa contar com a sua contribuição para engrandecer cada vez mais a nação angolana”. O coordenador do projecto, João Almeida, enalteceu o esforço da directora, Ana Balbina. “A iniciativa deve ser louvada por toda a sociedade e servir de exemplo para que mais crianças possam ver as suas vidas mudadas para melhor, tal como sucede com as actuais beneficiadas”.
HELDER JEREMIAS