Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Cristiano Aguiar enfrenta Adérito Pedro

Álvaro Alexandre - 31 de Maio, 2016

Adérito Pedro entra pensativo na partida

Fotografia: M. Machangongo

O Mestre Fide (MF) Cristiano Aguiar, do Progresso do Sambizanga, defronta hoje às 15h00, na sede da Federação Angolana de Xadrez, o Mestre Internacional (MI) Adérito Pedro, do 1º de Agosto, na principal partida da primeira jornada da segunda volta do Match de desempate do Campeonato Nacional Individual Absoluto de 2016.

Depois de perder na primeira volta, o MF Cristiano Aguiar procura desforra para relançar a campanha para o título de campeão nacional. Para o efeito, contrapor a barreira de MI Adérito Pedro não é fácil para o aspirante ao título de Mestre Internacional.

De peças pretas, o atleta do 1º de Agosto, Adérito Pedro, está em vantagem para contra -atacar as investidas do jovem da equipa do Sambila. A manutenção da liderança da competição é outro motivo que o galvaniza para fazer uma boa partida. MI Adérito Pedro está atento às investidas de MI David Silva e MI Ericson Soares, ambos do Progresso do Sambizanga, outros adversários de peso.

Noutras partidas para a mesma jornada, o Candidato a Mestre (MC) João Simões, da equipa Epal, defronta o MI Ericson Soares. Depois do empate na primeira volta, a missão hoje é difícil para o atleta da empresa de distribuição de água de Luanda.

O atleta do Progresso do Sambizanga aspira  lugares cimeiros e só uma vitória pode levá-lo a tal posição.
Do outro lado do tabuleiro, João Simões está ciente das dificuldades. Para inverter a sua posição na tabela, o último classificado deve evitar um empate. Só a vitória interessa.

O MI David Silva, do Progresso do Sambizanga, cumpre o segundo e último repouso na competição.
Na tabela de classificação geral, após a disputa de quatro jornadas, MI Adérito Pedro lidera o Macth de desempate com três pontos, seguido por MI David Silva com dois pontos, MF Cristiano Aguiar com um, MI Ericson Soares, com um e CM João Simões também com um ponto na cauda.ÁLVARO ALEXANDRE