Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Dana minimiza provocaes entre Mayweather e McGregor

17 de Julho, 2017

Pugilistas comearam o combate fora do ringue

Fotografia: Getty Images North America | AFP

Após quatro conferências de imprensa realizadas em quatro cidades diferentes durante a pequena turnê de mídia feita para promover a super luta de boxe entre Floyd Mayweather Jr. e Conor McGregor, muitos adeptos ficaram com a impressão de que os astros exageraram nas suas provocações.

Microfone quebrado, racismo, ataques homofóbicos e até um ‘tabefe’ na cabeça fizeram parte dos ataques. No entanto, para o presidente do UFC, Dana White, nenhum dos episódios fugiu da normalidade.

Durante uma entrevista no programa ‘Showtime Sports’, Dana apontou que as provocações verbais estão inseridas em todos o contexto do duelo e que esse tipo de comportamento se torna normal entre os lutadores.

“Acho que os dois tiveram os seus momentos. É engraçado ouvir as pessoas a dizer que eles foram com isso muito longe. Dentro de pouco mais de mês e meio esses lutadores estarão a tentar "nocautear" um ao outro. A batalha verbal também faz parte da luta. Isso aqui é uma luta, não um jogo de croqué. Faz parte do negócio”, declarou.

Mayweather e McGregor vão se defrontar no próximo dia 26 de Agosto, em Las Vegas (EUA). O duelo marca a luta de número 50 da carreira de ‘Money’ e a primeira apresentação do ‘The Notorious’ no boxe profissional.

Mayweather quer enfrentar McGregor
No meio do turbilhão de provocações que dão o tom de rivalidade ao confronto entre Floyd Mayweather e Conor McGregor no boxe, uma afirmação do ícone da nobre arte surpreendeu. Segundo Mayweather, ele estaria disposto a lutar no UFC apenas para provar que é um lutador melhor do que McGregor.

Durante o último dia da turnê mundial de \"May-Mac\", que aconteceu em Londres (ING), enquanto fazia seu discurso, Floyd garantiu que seria capaz de bater Conor dentro de um octógono.

Dana (White, presidente do UFC), somos os homens do dinheiro. Você é o cafetão, e essa (McGregor) é sua prostituta. Eu deveria ser o campeão do UFC, Dana deveria ter me levado para lá. Eu chutaria seu traseiro no octógono - garantiu Mayweather, que logo foi respondido por Conor:
Quando ganhar de você de você em agosto, farei você lutar no octógono comigo por uma revanche - prometeu o irlandês.