Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Daniel Francisco alcana mnimos

Rosa Panzo - 10 de Julho, 2018

seleco terminou na quarta posio, com um total de 22 medalhas, 12 de ouro, 8 de prata e duas de bronze.

Fotografia: Jornal dos Desportos

O nadador angolano Daniel Francisco conquistou os mínimos \"B\", exigidos pela Federação Internacional de Natação (FINA)  para a sua participação nos Jogos Olímpicos de Juventude, prova que vai decorrer na Argentina, em Outubro do ano em curso. O feito foi alcançado no Campeonato Nacional Absoluto, que decorreu domingo, na Piscina do Alvalade, com a marca de 25s27, na prova dos 50 metros mariposa.  Na mesma prova na série 3, Daniel Francisco bateu um recorde na categoria de juniores, com a mesma marca (25s,27).
Em declarações ao Jornal dos Desportos, após a disputa dos \"nacionais\", Daniel Francisco disse que a sua principal ambição  é conquistar uma medalha para o país. \"Antes de mais, agradeço a Deus, por tudo que faz por mim, porque sem ajuda dele não chegava onde estou hoje. Digo isto, porque estou a trabalhar longe de casa e da família,  a pressão é tanta, porque tenho de conciliar os estudos com a natação, mas estou a conseguir. Agora, o meu foco são os Jogos da Juventude, de onde almejo pelo menos uma medalha, para o meu país\", disse.
Além dos Jogos Africanos de Argélia, prova a decorrer de 19 a 28 do mês em curso,  Daniel Francisco também ambiciona conquistar os mínimos \"A\", para uma participação condigna no Jogos Olímpicos da Juventude de Argentina.
\"Como temos que fazer cada coisa a seu tempo, após a Argélia, as atenções vão estar viradas para Argentina. Consegui os mínimos \"B\", que me garantem o passe para lá,  ambiciono os mínimos \"A\",  tenho a certeza que vou conseguir, a fim de erguer mais alto o nome de Angola\", argumentou.
Daniel Francisco, nadador afecto ao clube militar, evoluiu num dos Centros de Alto Rendimento de Pretoria, África do Sul, onde  está a melhorar os seus tempos. Recentemente, Daniel foi considerado o melhor nadador júnior no zonal do Malawi, prova disputado em Abril do ano em curso, em que a selecção terminou na quarta posição, com um total de 22 medalhas, 12 de ouro, 8 de prata e duas de bronze.
RP