Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Derrota de angolanos marca a estreia na Taça Cuca

Álvaro Alexandre - 21 de Abril, 2014

Grande Mestre brasileiro Alexandr Fier já lidera o torneio internacional angolano

Fotografia: AFP

Os atletas angolanos estrearam-se ontem, no pavilhão Dream Space, em Luanda, com exibições desconsoladas ao consentirem derrotas diante de opositores estrangeiros, na décima edição do torneio internacional Taça Cuca em xadrez. O Candidato a Mestre (CM) João Simões, de Angola, não suportou a pressão do Grande Mestre (GM) Alexandr Fier, do Brasil, que de peças brancas ofuscou o angolano desde o início da partida. CM Tito Agostinho, de Angola, perdeu com GM Vadim Malakhatko, da Bélgica, e o Mestre Internacional (MI) Amorim Agnelo, de Angola, perdeu diante do GM Vasily Papin, da Rússia.

Noutras partidas, Cambando José, de Angola, perdeu com MI Sérgio Rocha, de Portugal, MI Adérito Pedro, de Angola, perdeu por falta de comparência de Firmino Silva, de Portugal, David Silva David, de Angola, venceu por falta de comparência Mestre Fide (MF) Domingos Catarino, de Angola, MF Eduardo Pascoal, de Angola, perdeu com MF Cristiano Aguiar, de Angola.Para a surpresa do dia, Luciano Oliveira, de Angola, empatou com GM Aleksandr  Karpatchev, da Rússia. O jovem angolano centrou-se nos movimentos de ataque de peças brancas e não permitiu a revira-volta ao especialista russo.

A chegada tardia do MI Jere Daniel, da Zâmbia, obrigou a organização a transferir o jogo com Mariano Tesoura de Maia, de Moçambique, para hoje, às 10h00 no mesmo local. Jere Daniel só desembarcou ontem à tarde.À entrada da segunda jornada da Taça Cuca, GM Alexandr Fier com um ponto é líder da classificação com um ponto, seguido do GM Vadim Malakhatko (1), GM Vasily Papin (1), MI Sérgio Rocha (1), MF Eduardo Pascoal (1), Firmino Silva (1), David Silva (1), GM Aleksandr Karpatchev (0,5), Luciano Oliveira Luciano (0,5), MI Adérito Pedro (0), MF Catarino Domingos (0) e CM João Simões (0).

EM FEMININO
Selecção de Angola
apresenta fraqueza
As “senhoras” angolanas estrearam-se sem chama na 10ª edição da Taça Internacional Cuca em xadrez que decorre no Pavilhão Dream Space, em Luanda. A debilidade na leitura dos jogos passou por todos os tabuleiros.A Candidata a Mestre (CM) Fátima Reis, de Angola, perdeu com Mestre Internacional (MI) Anna Zozulia, da Bélgica, Grande Mestre (GM) Maisuradze Nino, da França, venceu Margarida Sussu, de Angola, Maria Domingos, de Angola, perdeu com Mestre Fide (MF) Ana Filipa Baptista, de Portugal, Sónia Rosalina, de Angola, perdeu com Neusa Aridas de Castro, de Moçambique, Delfina João, de Angola, venceu por falta de comparência Valquíria Rocha, de Angola, e Henriqueta Pires, de Angola, ganhou a MI Esperança Caxito, de Angola.

Para o acerto da primeira jornada, a MF Epah Tembo, da Zâmbia, defronta hoje, às 10 horas, no Pavilhão Dream Space, Domingas Tavares, de Angola. Na classificação, a MI  Anna Zozulia  lidera com um ponto, seguida da GM Maisuradze Nino (1), MF Ana Filipa Baptista (1), Delfina João (1), Neusa Aridas de Castro (1), Henriqueta Pires (1), Valquíria Rocha (0),  MI Tshepiso Lopang (0), Sónia Rosalina (0), MI Esperança Caxito (0), CM Fátima Reis(0) e Margarida Sussu (0). 
Álvaro Alexandre