Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Desportivo da Hula abre academia

BENIGNO NARCISO, NO LUBANGO - 21 de Novembro, 2019

Clube huilano aposta na criao de uma escola de formao

Fotografia: Aro Martins | Edies Novembro-Hula

O Clube Desportivo da Huíla (CDH) está apostado na abertura de uma Academia de futebol, na cidade do Lubango, para a captação e formação de atletas, com o objectivo de no futuro potenciar o único representante da província, no campeonato nacional da I divisão.
De acordo com Mário Soares, técnico principal da equipa sénior e coordenador das camadas jovens, que revelou a informação ao Jornal dos Desportos, a aposta passa por “constituir uma escola no verdadeiro sentido da palavra”.
“A direcção está no bom caminho para criar uma escola de futebol, no verdadeiro sentido da palavra. Creio que daqui a mais algum tempo esse projecto pode ser uma realidade”. revelou confiante.
O técnico não detalhou pormenores, sobre a data exacta da abertura da escola, o local onde vai funcionar, nem as acções já  desenvolvidas para a sua implementação e  concretização desse desiderato. Assegurou, apenas, que “o projecto será uma realidade daqui a mais algum tempo”, destacou.
Mário Soares, que se mostrou confiante na materialização a curto prazo da aposta da direcção do clube, defendeu a necessidade das autoridades de direito e os clubes olharem mais para a vertente formativa.
O técnico defendeu ser esse o caminho ideal a seguir, pois, para além de se afigurar como a solução urgente e necessária para o futebol nacional, constitui,também, a forma de gastar pouco no presente, para poupar muito no futuro.
Referenciado como técnico que aposta muito na prata da casa, em que privilegia o acompanhamento de atletas juniores, para a promoção à equipa sénior, apelou à necessidade de se unirem forças, procurar e encontrar apoios para a nova realidade que se pretende para o futebol nacional.
“Então, devemos unir forças, procurar apoios, lá onde eles existem, para que isso, seja uma realidade. Este projecto pode ser um facto, caso haja vontade de algumas entidades em concederem alguns apoios”, apelou.