Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Desportos individuais merecem atenção

25 de Julho, 2015

Atletismo é que mais eleva a imagem da Huíla nas competições nacionais e internacionais

Fotografia: José Soares

O coordenador de Educação Física e Desporto Escolar na Huíla, Juca Fernandes, apelou aos clubes a apostarem nos desportos individuais na perspectiva de desenvolvimento das mesmas.

Com investimento forte, essas modalidades podem gerar lucros aos clubes à semelhança de equipas de países europeus, americanos, asiáticos e até mesmo africanos.

A título de exemplo, o responsável citou o xadrez, ginástica, atletismo, ciclismo e boxe, pela facilidade de obter medalhas nos Jogos Olímpicos e noutras competições internacionais.

Juca Fernandes ressalta que os clubes com renome apenas apoiam o futebol e o basquetebol por serem as mais populares e envolvem muito dinheiro.
Os clubes Desportivo da Huila, Benfica de Lubango e Sporting de Lubango são os que praticam atletismo, taekwondó, xadrez e boxe. A monotonia dos desportos individuais também pode estar ligada à falta de patrocínio para a realização de campeonatos provinciais com regularidade. Juca Fernandes assegura que as realizações “esporádicas” das provas leva os atletas a desistirem da prática. Para inverter a situação, o envolvimento de todos os agentes é “imperioso” e deve-se evitar a escolha de atletas com maior rendimento.

A província da Huíla regista seis clubes com actividade regular: Benfica do Lubango, Desportivo da Huíla, Ferroviário da Huíla, Sporting do Lubango, Interclube e Desportivo da Chibia


EDUCAÇÃO FÍSICA
Criado o modelo
de revitalização


Um modelo de disputa de competições do desporto escolar foi criado este mês, na Huíla, pela direcção da educação, no quadro da revitalização e dinamização da disciplina de educação física. A informação foi prestada pelo responsável do programa, Juca Fernandes.

O coordenador do processo de revitalização, Juca Fernandes, disse que o objectivo é incrementar e ajustar o método de disputa de algumas modalidades, o calendário de inscrição de atletas e datas de início dos campeonatos escolares.

O documento estabelece a criação de clubes (escolas) e inscrição de alunos no início do primeiro trimestre para a participação nas actividades programadas. Devem os mesmos providenciar os equipamentos e outros apoios necessários.

O modelo recomenda, doravante, o rigoroso cumprimento de datas na realização de campeonatos inter-turmas.

O processo de revitalização e dinamização abrange, actualmente, 50 escolas e as modalidades de futebol, atletismo, ginástica, andebol, voleibol, ténis de mesa e de campo, xadrez e basquetebol.