Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Devin Hester faz história no triunfo folgado de Atlanta

21 de Setembro, 2014

Um desafio com um resultado de 56-14 pode dizer-se que foi um encontro perfeitamente sem história

Fotografia: AFP

Um desafio com um  resultado de 56-14 pode dizer-se que foi um encontro perfeitamente sem história, com os Atlanta Falcons a dominarem por completo o embate com os Tampa Bay Buccaneers, referente à abertura da 3ª jornada da NFL. Mas não. A verdade é que o show de Atlanta teve como expoente máximo  Devin Hester, que conseguiu o 20º touchdown na carreira a devolver pontapés (desta feita, um “punt”) e ultrapassou Deion Sanders, antiga estrela dos Falcons que apoiou Hester na linha lateral.

“Ele é o melhor de sempre!”, partilhou Sanders no twitter durante a vitória folgada dos Falcons. Foi no 2º período que Hester recebeu um “punt” de Matt Koenen e furou a defesa de Tampa Bay para marcar após 62 jardas relâmpago. No final da corrida e como homenagem a Sanders, fez a dança já habitual do “Prime Time”, alcunha do ex-jogador.

Quanto ao resto do encontro, o QB Matt Ryan esteve perto da perfeição, ao lançar três touchdowns e 286 jardas, falhou  somente três dos 24 passes que tentou ao longo da partida. A recebê-los esteve Julio Jones, que terminou com 161 jardas em nove recepções e dois touchdowns. No lado dos Bucs, Josh McCown saiu lesionado e Mike Glennon, o substituto acabou por ajudar a evitar a pior derrota da história da equipa visitante.