Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Dibondo volta pista

Pedro Futa - 14 de Julho, 2018

Atletas esto felizes por regressar s corridas

Fotografia: Joo Gomes | Edies Novembro

A Escola Dibondo Abrão volta à competição hoje às 7h30 na disputa da nona jornada do Campeonato Provincial de Luanda em Atletismo, no Estádio dos Coqueiros. A par do Progresso Sambizanga, o clube de Cacuaco liquidou parte da dívida avaliada em 68 mil kwanzas referente à taxa de filiação.
Em declarações ao Jornal dos Desportos, o Secretário - Geral da Associação Provincial de Atletismo de Luanda, Pascoal Chitumba, disse que a Escola Dibondo Abrão e o Progresso do Sambizanga pagaram 36 mil kwanzas cada.
\"Com o pagamento da primeira parcela, os dois clubes podem participar das provas provinciais e nacionais\", disse.
O dirigente referiu que a Escola Rui Mingas é a única com dívida.
\"A Escola Rui Mingas é a única equipa que não liquidou a dívida, por isso, não pode participar das provas, enquanto não pagar a taxa de filiação\", disse.
Para evitar prejuízos desportivos, o antigo treinador do clube Rui Mingas, João Arsénio, afirmou que os \"seus\" atletas pertencentes à Escola vão participar a título individual. Trata-se de Manilson Prazeres, Arleth Saurimo e Emiliana Gabriel.
Nelson António, Gonçalo Ventura e Bernardo Magalhães, afectos à mesma agremiação, também vão correr sem as cores do clube, segundo os mesmos.
A prova tem a participação dos clubes 1º de Agosto, Interclube, Petro de Luanda, Escola Dibondo e Progresso Sambizanga.
O calendário  da competição prevê corridas de velocidade, meio -fundo, triplo salto, salto em comprimento, lançamentos de dardo e de disco, além de estafetas. A novidade do evento vai ser a implementação da cronometragem automática, segundo Pascoal Chitumba.
Luís Manuel, do Petro de Luanda, precisa de mínimos A e B  para participar dos Jogos Africanos no próximo ano no Botswana. O velocista disse que  o Campeonato Provincial de Luanda serve de preparação para as competições que dão acesso ao evento continental.
\"Preciso de mínimos A e B para participar dos Jogos Africanos e as competições de acesso iniciam em Dezembro, na Namíbia. O campeonato de Luanda serve de preparação\", garantiu o campeão nacional dos 400 metros.