Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Djokovic domina Wimbledon

07 de Julho, 2017

A partida de ontem foi realizada sob intenso calor que causou inclusive desmaios de alguns espectadores

Fotografia: AFP

O sérvio Novak Djokovic avançou ontem para a terceira fase do Torneio de Wimbledon, depois de vencer o checo Adam Pavlasek por três sets a zero. O tricampeão do Grand Slam na grama superou a partida sem dificuldades, com parciais 6-2, 6-2, 6-1. A partida foi realizada sob intenso calor, que causou desmaios de alguns espectadores.Ainda assim, Djoko conseguiu uma vitória sem muito desgaste.

Segundo cabeça de série da competição, Djokovic vai denfrontar o letónio Ernests Gulbis na próxima fase, depois do ex-top 10, actual número 569 do ranking, vencer o espanhol Juan Martin Del Potro por 6-4, 6-4 e 7-6 (7/3).Há um ano, o sérvio foi eliminado na terceira ronda pelo americano Sam Querrey. A derrota marcou o início da queda livre no desempenho do ex-número 1 do mundo. Em 2017, Djokovic só venceu o torneios de Doha e Eastbourne.

Mais cedo, o espanhol David Ferrer venceu por 3- 0 o primeiro set, quando o belga Steve Darcis abandonou o jogo. Já o francês Gael Monfils também conseguiu avançar para a próxima ronda, após vencer o britânico Kyle Edmund por três sets a zero, parciais 7-6 (7/1), 6-4, 6-4.Em feminino um incidente marcou a partida de Bethanie Mattek-Sands contra a romena Sorana Cirstea. Durante um lance no início do terceiro set, a norte-americana caiu de mau jeito e precisou ser retirada da maca da quadra de Wimbledon. N uma subida à rede, a norte-americana pisou errado e imediatamente caiu no chão com a mão no joelho.

 Durante o atendimento médico era possível ouvir Mattek-Sands a chorar e gritando “por favor me  ajude, ajude, por favor”. Enquanto Mattek-Sands recebia atendimento médico na quadra, a sua parceira nas duplas, Lucie Safarova, chegou no local e não conseguiu segurar as lágrimas ao ver o ocorrido. As duas tentariam conquistar o sexto título de Grand Slam juntas, o primeiro em Wimbledon.

De acordo com a WTA (Associação de Ténis Feminino), Mattek-Sands deixou a quadra de Wimbledon e foi direccionada para um hospital próximo. O Twitter oficial de Wimbledon falou em “lesão aguda no joelho” e desejou sorte à tenista.“Desejamos melhoras a Mattek-Sands, que foi levada para o hospital com uma lesão aguda no joelho depois de cair na partida da segunda ronda contra Sorona Cirstea”.

A partida estava empatada no momento do acidente. Mattek-Sands havia vencido o primeiro set por 6 games a 4; No segundo, Cirstea venceu no tie-break 7/6 (4)Por sua vez Danii Medvedev foi multado em 11 mil libras esterlinas após jogar moedas no árbitro no torneio de ténis em Wimbledon. A atitude foi considerada ofensiva e, por isso, a organização do torneio decidiu puní-lo. Depois de surpreender ao vencer Stanislas Wawrinka em Wimbledon, Danii Medvedev foi ontem eliminado do Grand Slam ao perder para o belga Ruben Bemelmans. Após o revés, o tenista russo se mostrou bastante insatisfeito e atirou moedas em direcção ao árbitro.

Medvedev perdeu por 3 sets a 2, com parciais de 6/4, 6/2, 3/6, 2/6 e 6/3, em jogo válido para a segunda ronda da competição. Após o jogo, enquanto se dirigia aos vestiários, o tenista buscou a sua carteira na bolsa, pegou várias moedas e as atirou na direcção em que estava posicionado o árbitro principal da partida.