Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Djokovic mantém a meta de ir ao Rio

02 de Junho, 2016

Djokovic mantém a meta de ir ao Rio

Fotografia: AFP

Com a proximidade cada vez maior dos Jogos Olímpicos, as questões que envolvem a competição aparecem no circuito. Depois de reclamar falta de pontos no torneio do Rio-2016, o sérvio Novak Djokovic comentou a questão do vírus da zika, um dos problemas que mais preocupa os atletas estrangeiros. O número 1 do mundo foi cauteloso ao falar sobre isso, e revelou que apesar de tudo os seus planos são jogar no Rio. "Honestamente, eu não sei mais o que pensar. Por ora estou a pensar em jogar as Olimpíadas e nada mudou", afirmou Nole, que foi medalha de bronze em Pequim-2008 e perdeu a disputa do terceiro lugar em Londres-2012 para o argentino Juan Martin del Potro.

"Cogitar cancelar os Jogos Olímpicos é algo impensável. Muitos atletas e o público todo já  programou para ir ao Rio", acrescentou o sérvio. Outro factor destacado por Djokovic foi a população local.  "A saúde é importante para todos que estiverem lá. Mas não temos que pensar apenas em quem vai para o Rio. E, aquelas pessoas que moram lá? Não estão a falar muito delas. Por isso, acho que é necessário ter perspectivas diferentes para  tirar uma conclusão", finalizou o sérvio, que nos oitavos de final em Paris joga com o espanhol Roberto Bautista.

TÉNIS
Serena atropela
Elina Svitolina


A tenista Serena Williams confirmou ontem o favoritismo e garantiu presença nos quartos de final de Roland Garros. A tenista número um do mundo bateu a ucraniana Elina Svitolina por 2 sets a 0 com os parciais duplos de 6/1.Com oito aces e quase o triplo de pontos vencedores, a norte-americana atropelou a adversária. No primeiro set, Svitolina não confirmou nenhum dos seus serviços e só não levou um pneu, porque quebrou o saque da rival no sexto serviço. A parcial durou menos de meia hora e foi fechada em 6/1.

No segundo set, a ucraniana fez prevalecer o seu saque no terceiro serviço, mas também não foi capaz de quebrar o serviço de Serena e voltou a perder por 6/1, desta vez em 37 minutos. Novamente, a norte-americana conquistou três quebras. Nos pontos vencedores foram 17 da número um, contra  oito da rival.

Nos quartos de final, Serena enfrenta a surpresa Yulia Putintseva. A cazaque eliminou a favorita Carla Suarez -Navarro nos oitavos de final em dois sets, com parciais duplas de 7/5. Na partida de mais de duas horas e muitos serviços desperdiçados, a espanhola não impôs o seu jogo e teve dez erros não forçados a mais, que a rival.

Ao contrário da irmã, Vénus não obteve o mesmo sucesso e foi eliminada nos oitavos. A ex-número um do mundo perdeu diante da suíça Timea Bacsinszky por 2 sets a 0 com parciais de 6/2 e 6/4, após 1h18 de jogo. Nos quartos de final, Timea joga com a holandesa Kiki Bertens, que surpreendeu ao derrotar a norte -americana Madison Keys por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (4) e 6/3. Todas essas partidas foram realizadas com atraso, devido às chuvas que castigam o território parisiense. Na segunda-feira, nenhuma partida foi jogada e na terça-feira, a grande maioria das partidas tiveram de ser adiadas.