Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Djokovic põe modalidade fora das prioridades

08 de Março, 2017

Novak Djokovic enfrenta dificuldades para retomar o seu bom ténis.

Fotografia: AFP

Depois de perder o posto de número um do mundo, para Andy Murray, no fim do ano passado, Novak Djokovic enfrenta dificuldades para retomar o seu bom ténis. Eliminado na segunda ronda, do Open da Austrália, para o até então 117º colocado do ranking, o sérvio voltou a decepcionar em Acapulco, na semana passada, quando caiu nos quartos de final, para Nick Kyrgios.

Em entrevista à emissora sérvia, RTS TV, o tenista admitiu que não está a ter o mesmo desempenho em quadra,  mas não se mostrou muito incomodado com a questão. \"A minha prioridade número um, deixou de ser o ténis, desde que Stefan nasceu”, disse Djokovic a referir-se ao filho, nascido em Outubro de 2014. “Estou num ponto da minha vida em que procuro ser o melhor esposo, pai e tenista, possível. É difícil, mas não é impossível. Todos tentam dar o melhor de si, e comigo não é diferente. O facto é que não posso estar todos os dias 100 por cento, com todas as funções que tenho”, completou.

Com uma fortuna em prémios, Djokovic  não tem a menor necessidade de continuar a actuar, caso não sinta mais desejo de entrar em quadra. A priorizar a família, o tenista sérvio garantiu que ainda sonha retomar o posto, de melhor tenista da actualidade.

“Continuo a jogar ténis, com muita paixão e amor que tive, quando peguei na raquete pela primeira vez.


SNOOKER
Murphy conquista Open de Gibraltar


O inglês Shaun Murphy, de 34 anos, campeão mundial em 2005, subiu na  segunda-feira ao quarto lugar do ranking mundial,  após vencer o compatriota Judd Trump, de 27 anos, terceiro da hierarquia, por 4-2,  na final do Open de Gibraltar da época 2016/17 da World Snooker que terminou no Victoria Stadium. Os 25 mil euros de prémio para o vencedor da prova gibraltina, (que distribui um total de 125 mil euros) permitiram ao Mágico (The Magician) ultrapassar o actual vice -campeão mundial, o chinês Ding Junhui, de 29 anos, na tabela dos melhores do circuito profissional, que continua já na noite de segunda-feira, com os primeiros jogos do Players Championship PC, prova que decorre até domingo no País de Gales. O Venue Cymru, de Llandudno, é até domingo dia 12 do corrente mês, palco da prova reservada aos 16 primeiros do ranking, ganha pelo norte -irlandês Mark Allen, em 2016 (10-6 ao inglês Ricky Walden, na final).