Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Edson Sebastio almeja conquista pdio

Hlder Jeremias - 20 de Junho, 2019

O piloto, agora individual, tem uma ficha de servio que contempla vrios trofu ao servio do Team Orbel

Fotografia: Edies Novembro

O campeão provincial de Luanda da categorias dos 450cc (moto 4), Edson Sebastião, está crente na obtenção do primeiro troféu da época 2019 na disputa do Grande Prémio Caconda em motocross, agendado para este sábado naquela municipalidade da província da Huila, no âmbito das festividades locais.
Depois de ter desfalcado a jornada inaugural do Provincial de Luanda, disputada a 25 de Maio no circuito Jorge Varela, Edson Sebastião regressou às competições sábado último na segunda prova, muito embora o desempenho não tenha sido capaz de evitar os dois últimos lugares na classificação geral.
A ostentar o título da capital ao serviço do Team Cazenga, Edson Sebastião fez uma participação convincente a avaliar pela destreza com que abordava a trajectória do circuito do Gamek aos comandos da Kawazaki 250cc. Os condicionalismos técnicos inerentes ao longo período de paralisação, desde o fim da época transacta, ditaram o resultado.
A três dias para a disputa do Grande Prémio de Caconda, Edson Sebastião trabalha os aspectos físicos e dedica a especial atenção ao trabalho dos mecânicos.
Apesar da prova não ser pontuável para o Campeonato Provincial de Luanda, Edson Sebastião encara o desafio com alto nível de responsabilidade, tendo em conta a realização da prova numa província com bastante tradição nos desportos motorizados.
Por mais vocação que o jovem piloto tenha, a presença do principal adversário, Edson Miranda \"Roquinho\", é outro motivo para trabalho árduo. O piloto, agora individual, tem uma ficha de serviço que contempla vários troféu ao serviço do Team Orbel, entre outras conquistas, apareceu galvanizado na segunda manga da segunda jornada.
Roquinho entrou mal na prova. Debateu-se com problemas técnicos na primeira manga. Voltou melhor na segunda manga e tentou recuperar os pontos com voltas de avanço aos adversários. Foi o piloto mais rápido, mas não evitou o quarto lugar na classificação geral.
O trio composto por Leonardo Gonçalves, vencedor da segunda jornada, seguido de Nilton Gama e Délcio Bravo, também trabalha de forma abnegada com o intuito de obter a melhor classificação.