Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Educao fsica e desporto escolar com mecanismos para desenvolvimento

Jessuares Francisco - Cacuaco - 25 de Maio, 2019

.O coordenador das actividades desportivas escolares destacou a falta de material desportivo

Fotografia: Antnio Soares

O coordenador da educação física e desportos escolares,  do município de Cacuaco, Daniel Viana, disse que a  instituição está a criar mecanismos para o desenvolvimento deste tipo de actividades,  a nível de todo o município, em que as modalidades de futebol, basquetebol, andebol, voleibol e atletismo são  destaques.

Apesar desse seu manifesto optimismo, em entrevista recentemente concedida ao Jornal dos Desportos, Daniel Viana lamentou a falta de apoio por parte das autoridades competentes. Este responsável, pela área de educação física e desporto escolar, diz que o projecto para a massificação é saudável, porque os seus objectivos estão a funcionar a nível das escolas locais.

“Algumas escolas comparecem às actividades desportivas criadas pela coordenação de educação física e desporto escolar,  infelizmente outras não comparecem por culpa das respectivas direcções”, sublinhou.Daniel Viana revelou que para dar continuidade ao desporto escolar, tem sido necessário fazer uma planificação,  de acordo com as condições oferecidas pelas escolas, de maneira a ajustá-la da melhor forma.

“Temos feito uma planificação, que vai de encontro às condições que cada uma das escolas oferece. Se por exemplo, um determinado estabelecimento escolar não dispuser de uma quadra, para a prática de andebol, também não é possível enquadrar essa modalidade na respectiva planificação”, esclareceu.O coordenador das actividades desportivas escolares destacou a falta de material desportivo, como uma das grandes dificuldades que a sua instituição enfrenta.  

“As dificuldades que temos encarado,  para que o desporto seja uma realidade, começam pela falta de materiais desportivos. Não recebemos apoio das direcções escolares, as administrações também não dão o seu apoio, enfim, todo o esforço tem sido da mesma coordenação, encabeçada por mim”, lamentou.

Mais adiante, Daniel Viana disse que a administração municipal indicou a Adesca, para que trabalhe em parceria com a coordenação, mas não há o retorno necessário, como se esperava.“Foi-nos indicada a Adesca, que é a Associação que atende os desportos a nível do município, a quem  informamos as nossas necessidades e por sua vez, este órgão desportivo faz chegar as nossas preocupações à administração municipal, mas não há retorno”, salientou.

Por essa razão, a coordenação de educação física e desportos escolar juntou-se à JMPLA local, organismo de quem  recebe alguns apoios, quando realiza as suas actividades.“Por falta dessa estreita ligação com a Adesca, a coordenação aliou-se à JMPLA do município, organismo de quem recebe algum apoio na pessoa da camarada Neca, como  água, ou mesmo algumas premiações”, afirmou Daniel Viana.