Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Elizandro tetra-campeo

lvaro Alexandre - 22 de Janeiro, 2018

Atleta do Cristo Rei est sem rivalidade no campeonato nacional

Fotografia: JOS COLA | Edies Novembro

Revestido de nobreza, Elizandro André subiu ao lugar mais alto do pódio do XXVII campeonato nacional individual de ténis de mesa, que encerrou sábado último, no Centro de Alto Rendimento de Angola, em Luanda. O jovem da equipa do Cristo Rei do Lubango ergueu o troféu de campeão nacional sénior masculino pela quarta vez consecutiva.
O tetra-campeão nacional exibiu ao longo da competição uma atitude demolidora. Na folha de serviço conta com quatro vitórias em igual número de jogos. Na estreia, derrotou Henda do Céu, atleta do Misto do Moxico, por 4-0.
Na sequência de demolições, Reginaldo Fernandes, do Escorpiões da Boa Fé, sentiu o peso da raquete. Mesmo com a fé em alta, viu o Cristo ao lado de Elizandro André em todos sets. O resultado foi pesado: 0-4 favorável ao atleta do Lubango.
Nas meias-finais, surgiram as primeiras dificuldades para o menino de Cristo Rei. Do outro lado da mesa estava o veterano António Lemos. Elizandro André viu o destino esfumar-se. O adversário estava pronto para resgatar a imagem do clube, depois da eliminação do colega de equipa. No final do primeiro set, a vitória \"sorriu\" para os lados da equipa de Viana. Foi sol de pouca duração.Refeito pelo desaire, Elizandro André tirou da algibeira toda a experiência e expeliu na mesa. Era o dono e o senhor da bola. António Lemos enfrentou dificuldades para travar as bolas. Os quatro sets seguintes ditaram a vitória do atleta do Cristo Rei por 4-1.
Na grande final esperada, a chama não foi a mais desejada. Domingos Manuel não a valorizou. O atleta do Persistente/Tecnoserve emocionou-se ante o campeão. O momento foi bem aproveitado por Elizandro André que usou a lei de menos esforços. No final, os 4-0 ditaram a consagração de tetra-campeão nacional. Na classificação final, Elizandro André e Domingos Manuel subiram ao pódio acompanhado de Edvane Neto. Fora do pódio estavam António Lemos e Reginaldo Fernandes.
A dupla Aléssio Peter/Elizandro André conquistou a medalha de ouro da prova de pares.Aléssio Peter, do Cristo Rei, venceu o campeonato nacional de juniores masculino.

FEMININO
À semelhança de masculino, o Cristo Rei festejou também na classe feminina. Ruth Tavares é tri-campeã nacional, depois de erguer o troféu diante de Isabel Albino. Jerusa Borges, Carla Ferreira e Kalyane de Sousa completaram a cauda da classificação.
Em pares, a dupla Jerusa Borges/Maria Samalinha ergueu o troféu de campeã nacional.
Carla Ferreira, dos Escorpiões da Boa Fé, logrou a única medalha de ouro para os representantes de Luanda. A jovem atleta sagrou-se campeã nacional júnior feminino.

ZONAL V
A delegação da angolana de ténis de mesa embarca na próxima quarta-feira Botswana, onde vai participar no Campeonato Africano da Zona V a decorrer de 25 a 29 do corrente, no Botho University Hal de Gaberone.
A comitiva vai ser chefiada por Manuel Pimenta, seleccionador nacional. A equipa masculina está constituída por Elizandro André, Edvane Neto, Domingos Manuel e Aléssio Peter. A selecção feminina está composta por Isabel Albino, Jerusa Borges e Ruth Tavares.