Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Entrega de diplomas encerra curso

30 de Setembro, 2015

A primeira edição do xadrez nas escolas, com o apoio da Associação Provincial de Xadrez de Luanda, disputa-se de 5 a 15 de Dezembro, em Luanda.

Fotografia: Domingos Cadência

A cerimónia de entrega de diplomas a 60 participantes, a partir das 15h00, na próxima sexta-feira, vai encerrar as jornadas de técnicas de ensino e aprendizagem do xadrez, promovida pela direcção do Clube Polivalente Aldanuel. O evento a decorrer na Galeria dos Desportos, em Luanda, vai contar com convidados de diferentes clubes e direcções provinciais da Juventude e Desporto.

Durante três semanas, as jornadas de orientação multidisciplinar do desporto -ciência, como também é conhecido, congregou 178 participantes, entre directores de escolas e professores de educação física de três províncias do país, mormente, Luanda, Cuanza Sul e Namibe. Luanda foi a que mais participantes registou: 80 fomandos. O Cuanza Sul fez-se representar com 48 pessoas e Namibe com 50. Por diferentes razões, 20 participantes de Luanda não vão receber os diplomas.

O número podia ser maior, se a província do Moxico tivesse acertado a agenda. A província foi excluída da agenda de trabalhos por questões da agenda local e atraso no arranque em Luanda. Face aos compromissos dos especialistas cubanos contratados, o curto tempo, impossibilitou a deslocação para a região leste do país.

Chamado a fazer o balanço da acção de formação, Manuel Caleia, presidente do Clube Polivalente Aldanuel, disse que estava satisfeito com a actividade desenvolvida pelos prelectores cubanos. "Foi salutar a presença dos professores cubanos e o Polivalente saiu potenciado do curso. É uma grande experiência e vamos fazer melhor nos próximos tempos", disse.

Manuel Caleia assegura, que tem a certeza de voltar a promover a acção de formação. "Colhemos indicadores para estruturamos melhor o nosso projecto", teceu. Com a parceria do Ministério da Educação, o Polivalente Aldanuel promete inovações. "Queremos ter a presença de professores especializados no ensino de xadrez e outros em educação física. Pretendemos unir o útil ao agradável, entre a prática do xadrez e a educação física. O objectivo é de formarmos mente sã no corpo sã", objectivou.

Manuel Caleia afirmou que o seminário vai passar a ter periodicidade anual. "Para além do apoio do Ministério da Educação, queremos estender o projecto às outras instituições do Executivo angolano. O realce vai para o Ministério das Relações Exteriores, como facilitador da vinda dos professores cubanos e as instituições financeiras. A finalidade é enriquecer as opções organizacionais e tornar-se mais abrangente e durável", projectou.

O curso realizado para documentar os professores de educação física criou as condições para o lançamento das competições de xadrez nas instituições escolares. A primeira edição do xadrez nas escolas, com o apoio da Associação Provincial de Xadrez de Luanda, disputa-se de 5 a 15 de Dezembro, em Luanda.