Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Equipa francesa chega à cidade de Lille

18 de Novembro, 2014

Juntou-se a Jo-Wilfried Tsonga, Gael Monfils, Richard Gasquet e Gilles Simon.

Fotografia: AFP

Após completar a sessão de treino no saibro de Bordeaux, a equipa de França que vai disputar a final da Taça Davis com a Suíça, desembarcou em Lille, local das partidas finais, no último domingo. Ontem, os tenistas franceses reuniram-se em Marcq-en-Baroeul, no subúrbio de Lille, para realizar as primeiras actividades da semana.

O duelo com os suíços vai ter lugar no Stade Pierre Mauroy, casa do Losc Lille, equipa da primeira divisão do campeonato francês, entre os dias 21 e 23 de Novembro. Eliminado nas meias-finais da série de duplas do ATP Finals, realizado na última semana, Julien Benneteau foi o último a integrar a equipa francesa. Juntou-se a Jo-Wilfried Tsonga, Gael Monfils, Richard Gasquet e Gilles Simon.

A imaginar o que vai ser uma final inédita da Taça Davis num estádio de futebol, o sempre descontraído Monfils brincou com uma bola da modalidade durante as actividades. No entanto, o francês não mostrou a mesma desenvoltura que tem com a bolinha verde. Por outro lado, Roger Federer e Stanislas Wawrinka, que disputaram as meias-finais do Finals, são as principais armas da Suíça para conquistar o inédito título para o país.

Os dois vão integrar a equipa vermelha com Marco Chiudinelli e Michael Lammer. Ainda a descansar da “batalha” nas meias-finais do ATP Finals, Federer e Wawrinka não chegaram a Lille. O mesmo não pode ser dito de Chiudinelli e Lammer, que já estão na cidade francesa a treinar para os duelos deste final de semana.

Caso a França vença, vai ser o décimo título da “Taça do Mundo” do ténis e vai ultrapassar o Reino Unido. A melhor campanha da Suíça ocorreu em 1992, quando foi vice-campeã. Perdeu na final com os Estados Unidos, o maior campeão do torneio com 32 troféus.