Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Ernestina promete pdio na meia-maratona

10 de Agosto, 2019

Ernestina Paulino terminou em quarto na prova de corta-mato

Fotografia: Arimateia Baptista

A prova de meia-maratona encerra na segunda -feira a disciplina de atletismo  inserido na 10ª edição dos Jogos da SARPCCO que decorre em Luanda até o dia 17 do corrente. A fundista angolana Ernestina Paulina está motivada em subir ao pódio, depois de tê-lo feito com a selecção na prova de corta-mato que se disputou na quinta-feira, na floresta da Ilha de Cabo, num percurso de 10 quilómetros. As angolanas fecharam o pódio que contou com a Namíbia no topo e o Zimbabwe.

Em declarações ao Jornal dos Desportos, Ernestina Paulino assegurou que está em preparação para vencer a meia-maratona. A prova disputa-se  num percurso de 21 quilómetros com a partida defronte ao edifício D-12 da centralidade do Kilamba e com chegada defronte ao Instituto Nacional de Educação Física na mesma circunscrição. 

Quero vencer a meia-maratona. Estou motivada, porque estamos de parabéns pelo terceiro lugar da equipa na prova de corta-mato. O objectivo foi cumprido\", disse regozijada.Ernestina Paulino terminou em quarto lugar. A namibiana Naitope Lavinia venceu o corta-mato com a marca de 35min38s, seguida da zimbabweana Olívia Chitate (35min45s) e da compatriota Ethel Sibanda (35min52).

 

MASCULINO

O domínio namibiano repetiu-se na classe masculina. Matheus Kadhingula venceu a prova com a marca de 29min58s21, seguido dos zimbabweanos Ncube Ngonidzshe (29min58s25) e Shidomaya Trust (30min33s).Por equipa, o Zimbabwe subiu ao lugar mais alto do pódio, seguido da Namíbia e de Angola.Na classificação geral de medalhas, o Zimbabwe lidera com 47, das quais 14 de ouro, 17 de prata e 16 de bronze. A Namíbia ocupa a segunda posição com 32 (14 de ouro, 12 de prata e 6 de bronze) seguida de Angola com 20 (5 de ouro, 5 de prata e 10 de bronze). PEDRO FUTA