Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Espanhol Nadal recupera confiança

21 de Fevereiro, 2015

Espanhol Nadal recupera confiança

Fotografia: AFP

“Foi uma partida complicada, com muita humidade e é difícil jogar nessa condição”, observou o canhoto de Mallorca, que mesmo assim saiu com sensações positivas, principalmente pelo facto de ter jogado bem nos momentos importantes. Só que mesmo assim, ele sabe que tem de melhorar ainda mais se quiser sair da competição com o bicampeonato.

“As sensações não estão ruins, mas falta um pouquinho de confiança. São estas coisas que  dão as vitórias. Todos cometem erros no geral e estou contente com o que tenho feito. Espero que amanhã, consiga ir melhor”, analisou o ex-número 1 do mundo, que vai ter pela frente um duelo com o embalado uruguaio Pablo Cuevas, campeão do Bareto do Brasil, na semana passada.

Embora os dois já tenham bastante tempo de circuito e gostem do saibro, deve ser a primeira vez que vão medir forças  num torneio ATP. “Ele (Cuevas) é um especialista nesse piso, está acostumado a jogar aqui e vem de um título em São Paulo. Espero estar preparado para a partida de amanhã”, declarou Nadal, que não poupou elogios ao rival.

“É um jogador completo, tem muitos golpes, joga bem nessa superfície, bate na bola com muito topsin, tem bom saque e bom revés”, comentou Nadal. Outro que recebeu palavras positivas do canhoto de Mallorca foi a sua vítima de quinta-feira. Carrenõ foi destacado pelo compatriota como um grande jogador, que ainda tem muito para evoluir. “Ele tem potencial e só falta um clique para despontar”, opinou o actual número três do mundo.


Breve
Guga apela Bellucci à melhor forma de jogo

Principal nome do ténis brasileiro, Gustavo Kuerten, Guga, afirmou que o brasileiro Thomaz Bellucci precisa de melhorar a forma de jogo, para poder sonhar com melhores posições no ranking. Conforme o ex-jogador que acompanha a disputa do Rio Open durante esta semana, a concorrência para ser o Top 1 do Brasil entre Bellucci e João Souza é enorme.  Bellucci teve uma estreia frustrante no Rio Open e corre o risco de ser ultrapassado por Feijão no ranking da ATP e perder o título de brasileiro melhor posicionado na lista do ténis mundial.