Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Espingardas disparam no GP da Polícia

Helder Jeremias - 05 de Março, 2016

Grande Prémio da Polícia de Tiro aos Pratos envolto em grande expectativa

Fotografia: Nuno Flash

Os atiradores nacionais concentram-se hoje a partir das 9h30  no Complexo Desportivo do Interclube, para a disputa da segunda jornada do Campeonato Angolano de Fosso Olímpico, cuja final está marcada para amanhã às 15h30, no âmbito dos festejos alusivos ao 40 aniversário da Polícia Nacional que se assinalou  a 28 de Fevereiro.

Denominado Grande Prémio Polícia Nacional, o evento conta com a presença dos mais precisos atiradores nacionais residentes na capital do país e províncias da Huíla, Benguela, Malanje, Cuanza Sul, Bié e Huambo, com predominância das infantarias do 1º de Agosto, Força Aérea Nacional, Clube Desportivo de Tiro e Caça da Gabela, Clube de Tiro Caça e Pescas da Huíla, Socolil, Clube e Tiro Caça e Pescas de Benguela e os anfitriões (Interclube).

O certame serve também para a inauguração do fosso olímpico do Interclube, pelo que o evento conta com a presença de altas patentes do Ministério do Interior e das Forças Armadas Angolanas para testemunhar a abertura de uma nova etapa do tiro nacional, como resultado do esforço da direcção do Interclube na vertente do desenvolvimento da modalidade das espingardas.

Atiradores como Ricardo Lopes, Cali Mendonça, Paulo Silva, Ruca Mendonça, Jorge Peristelo,  Anastácio, Gastão, entre outros, perfilam nas pranchas em busca dos mínimos que lhes garantam erguer o cobiçado troféu.

Os técnicos da Federação Angolana de Tiro, chefiados pelo secretário-geral da instituição, Adelino Chaves, procederam à verificação da prontidão das novas máquinas no meio da semana, ficaram satisfeitos com as excelentes condições criadas pelo departamento de tiro do Interclube e o particular desempenho de Cali Mendonça, responsável da instituição.

O vice -campeão Nacional Ricardo Lopes faz a estreia na infantaria do Interclube, depois de no ano transacto ter defendido com brio as cores do Team Socolil. Ausente na primeira jornada do Nacional de Fosso Olímpico, disputada em Janeiro transacto, o atirador pretende conquistar o primeiro troféu da época ao serviço da equipa anfitriã.

A presença do  atirador ao serviço do 1º de Agosto, Paulo Silva, é um indicador das dificuldades dos atiradores nas pranchas, daí que se espera por um despique de grande envergadura entre os homens das espingardas, muito por conta da igualdade de circunstâncias, já que nenhum dos contendores está familiarizado com o campo do Minint.