Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Esquiadora da Rssia foi operada com xito

17 de Fevereiro, 2014

Maria Komissarova lesionou-se na coluna vertebral

Fotografia: AFP

A esquiadora russa Maria Komissarova, que sábado ficou ferida com gravidade na coluna vertebral num treino de ski cross nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Sochi, foi operada com êxito, informou o Comité Olímpico Internacional (COI).A mesma fonte adiantou que é o comité olímpico russo a dar informações adicionais sobre o estado de saúde e o período de convalescença da esquiadora, de 23 anos. De acordo com a agência de notícias russa Itar-Tass, a intervenção cirúrgica durou seis horas.O médico-chefe da Federação Russa de Freestyle (FFR), Mirzali Samedov, tem estado a acompanhar a evolução de Komissarova, mas ainda não fez qualquer declaração à imprensa.

A esquiadora russa Maria Komissarova lesionou-se na coluna vertebral, com gravidade, durante um treino de ski cross, nos Jogos Olímpicos de Inverno, que decorrem em Sochi, Rússia.Pouco depois do incidente, as agências noticiosas citaram um comunicado da federação russa da modalidade que dava conta que a atleta tinha sofrido “um traumatismo grave”, cuja extensão impediu a transferência para Moscovo.Maria Komissarova, com 23 anos de idade, foi evacuada de emergência do recinto desportivo para o hospital n.º 8 de Krasnaïa Poliana, construído especialmente para os Jogos Olímpicos.

JOGOS OLÍMPICOS DE INVERNO
EUA vence Rússia em jogo dramático


Os Estados Unidos levaram a melhor no clássico do hóquei sobre o gelo sobre a Rússia, no duelo no Bolshoy Ice Dome, nos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi. Após o empate por 2 a 2 no tempo normal e nenhum golo durante o prolongamento, a equipa norte-americana venceu aos penáltis por 4 a 3, com TJ Oshie a converter o penálti decisivo.O resultado deixou os Estados Unidos na liderança do Grupo A dos Jogos Olímpicos, com cinco pontos ganhos. No hóquei sobre o gelo, vitória no prolongamento ou após a marcação de penaltis dá dois pontos ao vencedor e um ao derrotado. A Rússia é vice-líder com quatro pontos, seguida pela Eslovénia, com três. A Eslováquia já está eliminada sem nenhum ponto.Na última ronda, a Rússia precisa de uma vitória simples sobre os eslovacos para garantir a classificação. Os americanos enfrentam os eslovenos. Os dois primeiros de cada grupo, mais os dois melhores terceiros classificados, apuram-se para os quartos de final.

SKI SLOPESTYLE

A canadiana Dara Howell sagrou-se, aos 19 anos, a primeira campeã olímpica de ski slopestyle, modalidade que se estreia no programa olímpico, no quarto dia dos Jogos de Inverno de Sochi, na Rússia.Howell, vice-campeã mundial, que já tinha registado a pontuação mais alta das eliminatórias, voltou a ser a melhor nas duas mangas da final, com 94,20 pontos, quase dez pontos de vantagem sobre a segunda classificada, a norte-americana Devin Logan (85,40). A medalha de bronze foi conquistada pela canadiana Kim Lamarre, com 85,00 pontos. A actual campeã do mundo, a canadiana Kaya Turki, falhou o apuramento para a final depois de cair nas duas mangas das eliminatórias. O ski slopestyle, que conquista cada vez mais seguidores nos desportos de Inverno, consiste em efectuar manobras acrobáticas o mais alto possível, depois do esquiador se lançar numa rampa.

SNOWBOARD CROSS

A brasileira Isabel Clark caiu e foi eliminada da disputa do snowboard cross nos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi 2014. Na manhã de ontem, a carioca classificou-se na quarta posição na sua série dos quartos de final da competição, à frente de outras duas atletas que também tinham sofrido uma queda.Isabel disputava a série com mais cinco atletas, sendo que as três primeiras garantiam a vaga na meia-final. A brasileira sofreu uma queda na parte final do circuito, quando se aproximava das líderes - duas atletas já tinham caído antes.Antes da competição, Isabel mostrou-se confiante pelos bons resultados dos últimos anos. Há um mês, a atleta conseguiu o melhor resultado da carreira ao classificar-se para a Big Final da Taça do Mundo de Andorra.Isabel já tem três Jogos Olímpicos de Inverno na carreira e é a brasileira com o melhor desempenho da história na competição, com a nona posição do boardercross em Turim 2006. Também representou o Brasil nos Jogos de Vancouver em 2010.