Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Estilos das mulheres separam Floyd e Pacquiao

28 de Abril, 2015

Estilos das mulheres separam Floyd e Pacquiao

A menos de duas semanas do que já é chamada de Luta do Século do boxe mundial, Floyd Mayweather e Manny Pacquiao travam outra "batalha" fora dos ringues. Jornais internacionais começaram a focar outros aspectos do confronto e a vez é das companheiras dos dois pugilistas.

Doralie Mayweather e Jinkee Pacquiao estampam uma das manchetes do espanhol “Mundo Deportivo” e são descritas como apoios incondicionais dos dois lutadores. A publicação ainda faz questão de frisar a diferença entre as mulheres, deixando bem claro o tipo de cada um dos atletas.

Grande fã de clubes de striptease, Mayweather está noivo de Doralie Medina, com quem começou um relacionamento em 2011. A empresária, dona de uma linha de batons, gosta de se exibir nas redes sociais e abusa de vestidos curtos e bem decotados.

Jinkee está casada há 15 anos com Pacquiao e é mãe de cincos filhos do pugilista. Mais discreta, é considerada a primeira-dama das Filipinas e passa a imagem pura de mãe de família, muito procurada no seu país para estampar capas de revistas e dar grandes entrevistas.

O combate entre Manny Pacquiao e Floyd Mayweather, marcado para 2 de Maio em Las Vegas, vale a unificação dos cinturões da Associação Mundial de Boxe, da Organização Mundial de Boxe e do Conselho Mundial de Boxe de peso meio-médio.

O combate é um dos mais aguardados da história recente da modalidade pelas dificuldades impostas pelos dois atletas para a sua realização. As primeiras negociações para o combate ocorreram em 2009, mas Pacquiao e Mayweather só chegaram a acordo no fim do ano passado. As expectativas são de que a luta possa arrecadar nada menos que 250 milhões de dólares e 60 por cento dessa quantia tem como destino a conta bancária de Mayweather e o restante para Pacquiao.


NO 1º ASSALTO
Vitória de Felipino oferece “dinheirão”


A seis dias da luta, o favoritismo de Floyd Mayweather diminui diante de Manny Pacquiao na bolsa de apostas de Las Vegas. No Hotel MGM, local do duelo, são precisos apostar 2,10 dólares norte-americanos em Mayweather para receber 1,00 dólar, caso o americano vença. Em Pacquiao, uma aposta de 1,00 dólar paga 1,75 dólares, se o filipino vencer o combate.

Em 20 de Fevereiro, data da assinatura do contrato para a luta, a vantagem de Mayweather era maior. Eram precisos 3,00 dólares para ganhar 1,00 dólar.

Quem gosta de arriscar muito, pode apostar num ko no primeiro assalto. Esse resultado a favor de Mayweather paga 40 vezes o apostado. Um triunfo de Pacquiao nos três primeiros minutos paga ainda mais: 50 vezes. Se a luta terminar no último assalto, o apostador, independentemente de ter apostado num ou noutro, ganha 25 vezes o que jogou. O empate está a pagar oito vezes.

Três celebridades que apostam em Pacquiao são ex-campeões mundiais dos pesos pesados, Muhammad Ali, George Foreman e Mike Tyson.