Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Etíope Diababa bate recorde do mundo

03 de Fevereiro, 2014

A atleta da Etiópia subiu ao pódio na Alemanha com um novo recorde do mundo depois do título em pista coberta

Fotografia: AFP

A etíope Genzebe Dibaba estabeleceu ontem um novo recorde do Mundo dos 1.500 metros em pista coberta, ao cumprir a distância em 3.55,17 minutos, no meeting de atletismo de Karlsruhe, na Alemanha.

Dibaba, de 22 anos, retirou mais de três segundos ao anterior máximo mundial, que estava fixado em 3.58,28 e tinha sido obtido pela russa Elena Soboleva há quase oito anos, a 18 de Fevereiro de 2006, em Moscovo.

A atleta etíope, campeã do Mundo de pista coberta em 2012, em Istambul, deixou muito longe a segunda e terceira classificadas da prova, a polaca Angelika Cichocka (4.08,15) e a compatriota Axumawit Embaye (4.08,88).

EDI MAIA

O português Edi Maia ganhou sábado a prova de salto à vara do Meeting de Mondeville, em França, com 5,45 metros à primeira tentativa, falhando depois os 5,60.
O atleta do Sporting derrotou o russo Dmitry Zhelyabin, que passou igualmente os 5,45 metros, mas à segunda tentativa.

Nos 60 metros, Carla Tavares aproximou-se três centésimos do seu recorde pessoal, ao ser terceira com 7,44 segundos, depois de ter obtido 7,48 na eliminatória.
Eva Vital foi quinta na final de 60 metros barreiras, com 8,30 segundos.

ANA CABECINHA

Ana Cabecinha sagrou-se sábado campeã portuguesa dos 20 km marcha, em Quarteira, com a marca de 1:30.36 horas, que é o mínimo para o Campeonato da Europa, em Zurique, na Suíça.

Com este triunfo, a algarvia Ana Cabecinha garantiu um lugar na selecção lusa para o Europeu, com os dois outros a serem atribuídos às melhores no Grande Prémio de Rio Maior e na Taça do Mundo.

João Vieira, nos 20 km, e Luís Gil, nos 50 km, também renovaram os títulos nacionais, embora com marcas que não garantem ainda a presença no Europeu, a realizar em Agosto.

Numa manhã ventosa e húmida, as atletas concorrentes aos 20 km fizeram uma primeira parte de prova cautelosa e só na segunda metade, a seguir ao 12º km, Ana Cabecinha se isolou de Vera Santos e Inês Henriques, que completaram o pódio, com 1:31.29 horas e 1:32.10.

Susana Feitor foi quarta, com 1:34.03 horas, a seguir à lituana Kristina Saltanovic, que competiu extra-prova e gastou 1:33.11.
Na prova masculina de 20 km, João Vieira destacou-se pouco antes de metade da prova do seu irmão Sérgio Vieira e de Pedro Isidro, concluindo em 1:26.02 horas, contra 1:27.26 e 1:27.59 dos seus companheiros de pódio.

Luís Gil, o campeão de 50 km, ficou na frente por volta dos 43 km e ganhou em 4:11.40 horas, à frente de Pedro Martins, com 4:15.11, e do espanhol Rafael Ballesteros, que competiu extra, gastando 4:25.39. O terceiro português no pódio foi Cristiano António, com 4:40.28.