Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

EUA vence a Liga Mundial pela segunda vez

23 de Julho, 2014

A partir de então, Anderson e companhia não desperdiçaram mais e com um ataque do craque norte-americano, os Estados Unidos fecharam em 25/23 e tornaram-se bicampões da Liga Mundial.

Os Estados Unidos conquistaram o segundo título da sua história, na Liga Mundial de Voleibol, ao bater o Brasil na final por três sets a um, com parciais de 31/29, 21/25, 25/20 e 25/2, em Florença, na Itália. Os norte-americanos foram campeões pela primeira vez em 2008.

A disputa no primeiro set esteve à altura das tradições de Brasil e dos Estados Unidos no voleibol. Ambas as equipas foram agressivas, tanto do ponto de vista ofensivo quanto defensivo, com os dois bloqueios a funcionar muito bem. O equilíbrio foi tão grande, que o set só foi decidido depois de 38 minutos, com um ponto do bloqueio norte-americano sobre o central Lucão, que  fechou  em 31/29.

O Brasil voltou mais ligado para o segundo set, mas o equilíbrio ainda despontava. Lucão, Lucarelli e Wallace foram os grandes destaques. O primeiro esteve bem pelo meio e no saque, enquanto os demais foram mortais pelas pontas. O bloqueio continuou a funcionar, o Brasil fechou em 25/21 e empatou a decisão. Os Estados Unidos começaram embalados na terceira parcial e abriram 9/5 no início.

Administraram bem a vantagem e com um bloqueio muito forte e com  a agressividade de Anderson, a equipa venceu o terceiro set em 25/20.
A precisar do quarto set para manter o sonho do décimo título, os brasileiros entraram fortes e impediram a dilatação da vantagem dos adversários e chegaram a 14/11. A inspiração de Anderson permitiu aos americanos chegar ao empate num parcial marcado de ralis.

Na recta final do set, o nervosismo tomou conta dos brasileiros, que cometeram erros com Éder e Lucarelli, que permitiram a viragem dos Estados Unidos em 18/16. A partir de então, Anderson e companhia não desperdiçaram mais e com um ataque do craque norte-americano, os Estados Unidos fecharam em 25/23 e tornaram-se bicampões da Liga Mundial.