Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Executivo continuar a dar apoio ao desporto

Srgio V. Dias - 18 de Outubro, 2018

Chefe de Estado felicitou os Palancas Negras pelo bom desempenho que vem demonstrando ultimamente

Fotografia: Francisco Bernardo |Edies Novembro

O Presidente da República assegurou que o Executivo continuará a dar todo apoio ao desporto nacional nas suas diferentes modalidades. João Manuel Gonçalves Lourenço disse, ainda, que a juventude continua no centro das atenções e preocupações pelo papel que sempre desempenhou em todas as fases da vida nacional e em todas as frentes.
O Mais Alto Mandatário da Nação, que falava por ocasião da abertura do ano parlamentar, segunda-feira última, destacou, nesse sentido, a defesa nacional, o desporto, a cultura e o trabalho de campo, fábricas, investigação e ciência, como algumas das frentes em que a juventude angolana tem vindo a destacar-se.
Por esse facto, o Chefe de Estado exorta que esta franja etária da sociedade “continue a dedicar-se ao estudo, ao desporto e ao trabalho”. João Lourenço lembrou que os jovens devem procurar tirar o maior proveito das amplas possibilidades que as tecnologias de informação e as redes sociais oferecem, tendo em conta que essas ferramentas estarão sempre ao serviço do bem, do progresso social, da paz, ou ao serviço do mal, consoante as mentes e objectivos nobres ou não, dos seus utilizadores.
No seu discurso na abertura do  ano parlamentar que teve como um dos principais focos a questão que se prende com o repatriamento de capitais ilícitos cujo prazo se estende até Dezembro próximo e que não será prorrogado, o Presidente da República assinalou, também, outros aspectos inerentes a vários sectores da vida social.
Nessa vertente, não passou despercebida na alocução de João Lourenço os investimentos feitos no campo das infra-estruturas desportivas, como estádios e pavilhões gimnodesportivos, nos últimos anos.
O Chefe de Estado manifestou, todavia, a preocupação face ao avançado estado de degradação precoce que algumas destas estruturas se encontram.
“Devemos encontrar uma solução sustentável de manutenção e gestão destas infra-estruturas. Talvez pudéssemos confiar nas velhas glórias das diferentes modalidades, organizadas em empresas e com apoio inicial do Estado, ou numa outra solução. Estamos abertos a ouvir contribuições. Não podemos é continuar a observar impávidos e seremos ao que está a passar-se”, frisou.
Durante a sua intervenção na Casa das Leis, segunda-feira, João Lourenço felicitou ainda a Selecção Nacional de futebol de honras, os Palancas Negras, “pelo bom desempenho que vem demonstrando ultimamente e que muito orgulha” os angolanos.