Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

FAB felicita Yanick Moreira

Melo Clemente - 14 de Agosto, 2016

Paulo Alexandre Madeira mostra-se regozijado com o feito protagonizado pelo internacional angolano

Fotografia: M. Machangongo

A direcção da Federação Angolana de Basquetebol (FAB) felicitou ontem o internacional angolano, Yanick Moreira, em virtude deste ter sido seleccionado pela formação do Toronto Raptors, para integrar a pré-temporada daquela agremiação desportiva, visando a época que se avizinha.

O poste de 25 anos de idade, 2, 11 metros de altura, poderá ser o primeiro angolano na história do basquetebol angolano a integrar a maior liga do mundo, no caso a NBA, caso consiga convencer a equipa técnica do Toronto Raptors durante a pré-temporada 2016/2017.

Yanick Moreira torna-se deste modo no segundo angolano a integrar a formação do Toronto Raptors numa pré-época, depois de no ano passado o extremo base, Carlos Morais ter falhado por uma unha negra a sua entrada na maior liga de basquetebol do mundo.

Na sua primeira tentativa de ingressar na NBA, curiosamente, através da formação dos Raptors, isto é, na temporada passada, o posto que brilhou ao serviço da Selecção Nacional no Campeonato do Mundo de Espanha, em 2014, tendo estabelecido um record, ao anotar num só jogo 36 pontos, na vitória de Angola sobre a similar da Austrália, foi reprovado por resultados médicos insatisfatórios, mas agora a esperança é significativamente maior.

A oficialização foi feita por via da página da formação do Toronto Raptors, que anuncia a contratação do poste angolano, como “agente livre”, tal como o base Drew Crawford. Entretanto, Paulo Alexandre Madeira, presidente de direcção da Federação Angolana de Basquetebol (FAB), mostra-se regozijado pelo feito alcançado pelo Yanick Moreira, atleta que declinou a Selecção Nacional que disputou em Julho último, em Belgrado, capital da Sérvia, o torneio pré-olímpico.

“A direcção da Federação Angolana de Basquetebol tomou conhecimento da contratação do atleta Yanick Moreira pelo Toronto Raptors, através do site deste Franchising da NBA. Perante este feito, de todo singular para o basquetebol angolano, que apesar da sua qualidade, só agora viu um atleta a ingressar para a melhor liga profissional do mundo, a NBA.

 Neste sentido, a direção da FAB, em nome de toda a família do basquetebol nacional endereça ao jovem Yanick Moreira parabéns para a carreira que agora inicia, augurando que essa oportunidade seja a abertura do caminho para que outros angolanos possam também ingressar na NBA num futuro próximo", disse o homem forte da FAB.

Depois de ter sido impedido de disputar o ano passado o Campeonato Nacional de basquetebol em seniores masculinos, vulgo BIC Basket, devido a problemas administrativos, o internacional angolano viu-se “obrigado” a jogar em Espanha, actuando pela formação do Múrcia.

Vários atletas angolanos já tentaram ingressar na maior liga do mundo, sem no entanto, alcançarem o êxito desejado, nomeadamente, Gerson Monteiro, por sinal, o pioneiro, Olímpio Cipriano, Victor Muzadi e Carlos Morais, este último, na temporada transacta.


ENTRADA NA NBA
Paulo Macedo 
realça qualidades
do poste angolano


O antigo técnico de Yanick Moreira, no escalão de juniores e na selecção nacional, Paulo Macedo, afirmou sexta-feira que o jogador tem 50 porcento de possibilidade de permanecer no plantel dos Toronto Raptors da NBA, com quem assinou um contrato de pré-época.

Falando à Angop, o ex-seleccionador nacional, que orientou Yanick no célebre jogo diante da Austrália, em que o poste de 2,11 metros marcou 38 pontos e capturou 15 ressaltos, disse que a sua continuidade no clube depende da sua prestação na pré-temporada, pelo que o atleta deve se empenhar e continuar a trabalhar como tem feito até ao momento.

Realçou que o facto do jogador fazer parte da pré-época demonstra que tem feito um bom trabalho e que a formação canadiana viu qualidades em si.

Deste modo, segundo a fonte, Yanick deve procurar melhorar em todos os aspectos, para convencer a equipa técnica.

“Yanick tem qualidades para ficar no plantel dos Toronto, mas tudo vai depender do seu desempenho na pré-temporada. O facto de ter disputado já o campeonato universitário, pela Universidade Metodista, joga a seu favor, porque não terá problemas com a cultura do basquetebol norte-americano”, frisou o técnico que se sagrou campeão africano e nacional pelo 1º de Agosto.

Paulo Macedo, que acredita na entrada do atleta de 25 anos na NBA, salientou que o seu ex-pupilo poderá precisar de apoio dos angolanos e não só, para poder superar este novo desafio, uma vez que se trata de um jogador importante para selecção nacional.

“Trata-se de um atleta muito forte e que vai precisar da nossa ajuda. É humilde e trabalhador e quem o conhece bem sabe que não é indisciplinado como dizem”, acrescentou o antigo treinador de Yanick nos juniores do 1º de Agosto.

Yanick Moreira disputou a Summer League (Jogos de Verão), de 8 a 18 de Julho em Las Vegas (Estados Unidos), pela formação dos Toronto Raptors, tendo sido utilizado em cinco partidas, terminando com uma média de 2.4 pontos, 4.0 ressaltos e 13.8 minutos por jogo.

O contrato assinado com os Raptors não garante a permanência do poste no clube, apenas o habilita a disputar os jogos de pré-época, onde será avaliado, como aconteceu com o angolano Carlos Morais, na mesma agremiação.