Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Falta de courts inquieta associao

Hlder Jeremias - 19 de Dezembro, 2014

Plnio Pedro vai propor junto das entidades competentes insero de courts nos projectos comunitrios desportivos

Fotografia: Jos Cola

O sucesso do programa de massificação e desenvolvimento do ténis em Luanda nos próximos cinco anos está dependente do incremento do número de campos. A constatação é do secretário-geral da Associação Provincial de Ténis de Luanda, Plínio Pedro.

Em declarações ao Jornal dos Desportos, o responsável associativo não escondeu a sua desilusão por ver muitos jovens impedidos de treinar por falta de espaços apropriados. A adesão é grande, mas não há condições para se ensinar o abc.

Plínio Pedro disse estar informado sobre a existência de campos em condomínios espalhados, muitos dos quais não aproveitados por razões subjectivas. O responsável associativo apela à criação de núcleos desportivos nas respectivas zonas residenciais para que novos talentos possam emergir de forma a serem inseridos na alta competição.

O dirigente defende que a questão dos campos pode ser resolvida com a intervenção de quem de direito, no caso concreto o Estado, através do Ministério da Juventude e Desportos, com a inclusão de quadras de ténis nos projectos comunitários desportivos que estão a ser erguidos por toda a Luanda.

"O ténis atravessa uma fase de crescimento exponencial na capital do país. Os jovens interessam-se cada vez mais em enveredar pela carreira desportiva, mas a demanda não encontra respaldo, porque existe um número limitado de quadras disponíveis na província de Luanda. Vamos remeter essa preocupação às entidades competentes no sentido de minimizar a situação", disse Plínio Pedro.

O responsável associativo considerou a época transacta de bastante "profícua", por conta do cumprimento de todas as actividades agendadas no calendário de actividades.  O destaque recai para as realizações dos campeonatos provinciais e vários torneios abertos disputados nos courts do Clube de Ténis de Luanda.Plínio Pedro mostrou-se satisfeito por constatar o crescimento exponencial do número de praticantes na província, pois, "representa uma evidência de que a modalidade goza de grande adesão da juventude".

A presença de maior número de atletas do sexo feminino é um dos motivos de exaltação dos corpos sociais da associação provincial, depois de um interregno marcado pelo êxodo desta importante modalidade desportiva.

 A modalidade atravessou uma fase menos boa a nível do desporto federado.

Com o resgate, Plínio Pedro apela às jovens da capital a não desistirem da prática desportiva e aconselha a ultrapassarem todas as adversidades para a projecção da carreira.