Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Federao aposta na formao de tcnicos

Gaudncio Hamelay, no Lubango - 17 de Janeiro, 2014

Formao de tcnicos vai dominar a agenda da federao para este ano

Fotografia: Nuno Flash

Salomão Lumbo “Flash”, director técnico da Federação Angolana de Taekwon-dó, afirmou que depois da formação que vai ser dirigida por aquele órgão, o técnico que não receber a sua credencial internacional não pode  exercer a sua actividade no país.

“A federação vai expandir o taekwon-dó, treinando mais técnicos em municípios e comunas”, perspectivou. No que concerne às graduações, iniciadas no ano passado, Salomão Lumbo referiu que alguns técnicos já receberam a credencial internacional.

“Credenciamos os nossos praticantes graduados com cinturões negros e vamos dar ­continuidade a este processo", confirmou. O dirigente anunciou que para este ano a Federação Angolana de Taekwon-dó programou muitas competições mas, devido as dificuldades financeiras, o órgão decidiu realizar campeonatos regionais.

Neste âmbito, a federação dividiu o país em Região Sul, que vai realizar diversas competições nos escalões  infantis, juvenis, juniores e seniores em ambos os sexos, e Região Norte. A meio do ano, a federação vai juntar as melhores equipas que se destacaram nas duas regiões a fim de disputarem uma prova nacional.

 Salomão Lumbo “Flash” explicou que a federação conta com mais de três mil praticantes nas províncias de Cabinda, Zaire, Uige, Malanje, Bengo, Luanda, Cuanza Sul, Benguela, Bié, Huambo, Huíla, Cuando Cubango e Cunene.