Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Federao exige mais rigor na execuo dos programas

Rosa Napoleo - 15 de Janeiro, 2014

No ltimo Campeonato Africano da Zona VI em Harare a seleco nacional obteve 22 medalhas.

Fotografia: Jornal dos Desportos

O presidente da Federação Angolana de Ginástica, Auxílio Jacob, perspectivou maior rigor e eficiência no cumprimento das actividades programadas para a presente época desportiva.

Entrevistado pelo JD, Auxílio Jacob disse que a direcção da Federação pretende aumentar o investimento para reforçar as equipas e potencia-las no sentido de se criar uma selecção coesa capaz de representar com dignidade o país nas competições internacionais.

O estágio da selecção nacional em Benguela para o torneio da zona VI, na África do Sul, marca o início das competições internacionais para a presente época. Questionado sobre a inclusão da ginástica no leque das modalidades para os Jogos da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral que o país tenciona albergar, o dirigente referiu que nada ainda está definido.

“Penso que nós temos aqui um grande desafio que é conservar esta qualidade competitiva que os nossos atletas nos apresentam neste momento e até aumentar o nível no sentido de garantir até lá uma selecção forte, capaz de elevar o país â altura dos jogos”, disse.

Auxílio Jacob acrescentou que, “o principal elemento para o sucesso da modalidade é a conquista do maior número de medalhas, algo que já é um facto. No último Campeonato Africano da Zona VI em Harare a selecção nacional obteve 22 medalhas”. 
Rosa Napoleão