Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Federaes vo decidir sobre presena da Rssia

25 de Julho, 2016

Russo no poder enviar atletas ao Rio

Fotografia: AFP

O Comité Olímpico Internacional (COI) anunciou ontem que serão as federações internacionais de cada modalidade desportiva que vão decidir quais as atletas russas que poderão disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, segundo um comunicado oficial divulgado. Após analisar a situação dos atletas russos, o Comité Executivo do COI decidiu que nenhum atleta da Rússia poderá competir no Rio a menos que cumpra uma série de condições.

A primeira dela é satisfazer as exigências de suas respectivas federações internacionais no tema doping. Segundo o COI, a ausência de testes positivos em provas verificadas pela agência nacional não será considerada suficiente pelas federações internacionais.

Além disso, o Comité Olímpico Russo não poderá enviar aos Jogos do Rio nenhum atleta sancionado anteriormente por doping, mesmo no caso de já ter cumprido a punição.
Os atletas russos que finalmente sejam aceites pelo COI serão submetidos a um rigoroso exame antidoping que será realizado pela Agência Mundial Antidoping (Wada) em coordenação com a respectiva federação internacional.

O Comité Executivo do COI, que advertiu que outras sanções podem ser adoptadas adiante, reiterou a sua preocupação com as "evidentes deficiências" da luta contra o doping.
O COI agradeceu à atleta russa Yulia Stepanova, que denunciou o sistema de doping de Estado implementado na Rússia, a sua contribuição para a luta contra a dopagem, mas rejeitou o seu pedido de participar dos Jogos de Rio sob bandeira neutra. Além disso, o comunicado afirma que Stepanova não poderia competir por ter sido sancionada anteriormente por doping.

Em agradecimento por sua contribuição à luta contra o doping, o COI fez um convite a Stepanova e seu marido para que assistam como espectadores os Jogos do Rio.