Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Federao procura meios para provas internacionais

ROSA NAPOLEO - 17 de Fevereiro, 2018

Judocas angolanos engajados na preparao para o Campeonato Africano da Tunsia

Fotografia: KINDALA MANUEL|EDIES NOVEMBRO

A Comissão Técnica da Federação Angolana de Judo está a envidar esforços no sentido de criar condições financeiras, para a participação dos judocas, Casimiro Bento da categoria dos -100 kg e Mulaza Panzo -73 kg, nos três \"opens\" internacionais agendados para Março. 
Em declarações ao Jornal dos Desportos, Yuri Paim, seleccionador nacional, disse que era de grande valia a participação dos atletas nas provas internacionais, uma vez que a modalidade deseja participar nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.
\"Estamos a fazer contactos para conseguir patrocinadores, que possam  ajudar-nos na compra de bilhetes de passagem. Queremos colocar o Casimiro Bento e o Mulaza Panzo a competir no Open da América que acontece em Lima, Perú, nos dias 18 e 19 de Março, no Open de Santiago de 10 a 11 de Março no Chile, e no Open de Bueno Aires a decorrer de 24 e 25 de Março, na Argentina. Estas provas dão pontuações para os Jogos Olímpicos, e se  conseguíssemos medalhar, seriamos  as cabeças de séries\", disse.
Yuri Paim referiu que o procedimento está a ser feito para com o atleta Nayr Garcia dos -66kg, está igualmente a preparar-se para o Grand Spri de Marrocos, que vai decorrer no próximo mês.
Garcia também procura ajudas, tem uma segunda hipótese de estar na competição. O atleta beneficia de uma bolsa internacional que dá acesso à competição, caso a Federação efectue um pedido ao órgão realizador da prova.
Os judocas Casimiro Bento e Nayr Garcia fazem parte da selecção e trabalham em conjunto com o grupo. Terminados os esquemas físicos, o conjunto de 75 judocas que compõem a pré-selecção para o Campeonato Africano da Tunísia que vai decorrer em Abril, trabalha neste momento com os aspectos técnicos, no clube do Rangel. A próxima semana está reservada para a fase de pré-competições, com lutas de kumite e take waza.
O presente Campeonato Africano da Tunísia é a grande aposta da modalidade. Para a concretização da competição, o órgão deve beneficiar de uma verba, para a cobertura de custos.