Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Federer eliminado nos "oitavos" em Xangai

12 de Outubro, 2013

Federer cai nos oitavos em Xangai

Fotografia: AFP

O suíço Roger Federer, sétimo no “ranking”, continua a mostrar quebras, tendo sido derrotado na quinta-feira nos oitavos-de-final do Masters de Xangai, pelo francês Gael Monfils, 42.º do ranking ATP, por 4-6, 7-6 (7-5) e 3-6. Com 32 anos, Federer regressava à competição pouco mais de um mês depois de ter sido eliminado nos oitavos-de-final do Open dos Estados Unidos. Antes tinha vencido o italiano Andreas Seppi (6-4 e 6-3), mas na quinta-feira Federer voltou a mostrar a razão por que pela primeira vez nos últimos dez anos está abaixo dos quatro primeiros do “ranking” mundial.


Djokovic diz que Rafael Nadal
merece a liderança mundial


O sérvio Novak Djokovic, que perdeu o posto de número um do mundo na passada segunda-feira para Rafael Nadal, admitiu que o espanhol merece estar na liderança do ranking da ATP, e confessou-se satisfeito com a sua própria temporada. "Ele merece ser o número um. Os resultados comprovam, ele é de longe o melhor tenista do ano", declarou Djokovic, referindo-se aos dez torneios conquistados em 2013 por Nadal.

"Eu só posso fazer uma coisa, jogar o melhor possível, concentrando-me no próximo torneio       e continuar a fazer o que fiz em Pequim na semana passada", explicou o sérvio. No último domingo, Djokovic, que já sabia que ia perder o topo do ranking antes da partida, dominou e derrotou Nadal no torneio da capital chinesa, em dois sets, 6-3, 6-4.

"O ano de 2013 foi bom para mim, mas tenho consciência de que reeditar o que fiz em 2011 vai ser muito difícil", admitiu 'Djoko', que há dois anos venceu três dos quatro Grand Slams (Opens da Austrália e Estados Unidos e Wimbledom).

"Saber que já fui capaz disso dá-me a confiança de que pode repetir-se", concluiu o número dois mundial.