Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Fef aposta na massificao

lvaro Alexandre - 17 de Julho, 2016

Fernando Santos vai apostar no incremento de relaes com Ministrio das Pescas

Fotografia: Jornal dos Desportos

O presidente reeleito da Federação Angolana de Pesca Desportiva (FAPD), Fernando Santos, assegurou que vai apostar na continuidade para concluir o projecto de massificação. A revelação foi feita após o acto de renovação de mandato dos membros directivos, realizado na última sexta-feira, no pátio do Clube Náutico da Ilha de Luanda.

“A modalidade tem um número crescente de praticantes. Temos registado 550 pescadores em todo país; é uma cifra bastante considerável. Mesmo assim, vamos continuar a massificar e intensificar a prática da pesca aos rios, lagoas e lagos. A pesca infantil é uma realidade. Na época transacta, realizámos três provas. Nos próximos quatro anos, esta variante vai sofrer um incremento. O número de praticantes e de provas sofrerá um crescimento”, disse.

Fernando Santos acrescentou que “a pesca desportiva do alto mar vai continuar a ser rainha".

"A pesca de lançamento de costa também vai ter o seu espaço. A grande novidade é a presença de competições regulares de mosca e drop-shot. Ambas são praticadas em Luanda e no Namibe”, reforçou.

A parceria com o Ministério das Pescas e Ambiente vai manter-se para facilitar o exercício da actividade dos novos praticantes.

“Vamos intervir na legalização dos pescadores junto do Ministério das Pescas e Ambiente. A nossa intervenção vai ser na prestação de ajuda para a aquisição das licenças de pesca.  Vamos prestar uma assessoria na defesa e protecção do espaço marítimo, rios, lagos e lagoas”, garantiu.

O presidente Fernando Santos está crente na ampliação dos sucessos alcançados no último mandato pela selecção nacional.

“Angola tem três títulos mundiais, dos quais dois são consecutivos. É um propósito altíssimo que obriga a lutar pelos títulos mundiais. Com uma direcção coesa, apoios humanos e financeiros, Angola vai alcançar mais conquistas”, vaticinou.

Fernando dos Santos "Fefé" foi reeleito presidente da Federação Angolana de Pesca Desportiva (FAPD) para o ciclo 2016-2020. O primeiro e único presidente da história da pesca desportiva angolana foi confirmado pela terceira vez consecutiva para presidir a direcção nos próximos quatro anos. A história começa em 2011, após a eleição para uma vigência de um ano.

O dirigente reconduzido da escolha consensual mereceu o voto de confiança de 22 eleitores e um nulo, numa massa eleitoral de 23 sócios efectivos. Exerceram direito ao voto o Clube Náutico da Ilha de Luanda, Clube Naval de Luanda e Clube Náutico Militar. O escrutínio foi dirigido por Valentim Alberto António (presidente), José Junça (secretário) e Manuel Morais (escrutinador).

A lista eleita dos corpos sociais da Federação Angolana de Pesca Desportiva está assim constituída: Direcção: Fernando Santos (presidente), Rogério Matos (1º vice-presidente), Abraim da Silva (2º vice-presidente), Mário Rui, Marco Queiroz e Júlio da Rocha (vogais efectivos).

Conselho Fiscal: José de Carvalho (presidente), Francisco Inocêncio (1º vogal efectivo), Cidália da Silva (2º vogal efectivo), Hugo Van-Dúnem (1º vogal suplente) e Luís Van-Dúnem (2º vogal suplente).

Conselho Jurisdicional: Arcélio Matias (presidente), Cesário Barbosa (vice-presidente) e Patrícia Vaz Patela (secretário relator).
Conselho de Disciplina: Francisco Guerra (presidente), Valter Milagre (vice-presidente) e Mário Proença (secretário relator).
O acto de tomada de posse do elenco eleito está agendado para as 18 horas do dia 18 do próximo mês nas instalações do CNIL.