Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Ferroviário perde campo de futebol

Silva Cacuti - 13 de Janeiro, 2018

O Ferroviário de Angola foi fundado a 13 de Junho de 1915.

Fotografia: Jose Soares / Edições Novembro

A informação aos sócios da perda do campo de futebol, onde vai ser erguido um edifício para acolher o Ministério dos Transportes, é um dos assuntos que pode apimentar a Assembleia Geral extraordinária do Clube Ferroviário de Angola, marcada para o próximo dia 27 do corrente, no salão nobre daquela agremiação desportiva. O Jornal dos Desportos apurou de fonte próxima, que o clube procura, agora, espaços para dar continuidade à sua secção de futebol que movimenta os escalões de iniciados, juvenis e juniores.
O campo do Ferroviário era o sobrevivente de uma saga que engoliu os campos da Praia do Bispo, no Saneamento, o Kikalanga e o adjacente à Rádio Nacional de Angola.
Recordar que a 25 de Março de 2017, aquando da sua eleição à presidência do clube, Jorge de Abreu apontou entre as prioridades do seu mandato a necessidade de consolidar as modalidades já movimentadas na agremiação como o andebol, basquetebol e futebol. A gestão concentra-se principalmente na base para, no fim do mandato, conseguir presenças nos respectivos campeonatos de seniores. Sem campo próprio vai ser mais difícil para o futebol. A informação vai ser apresentada durante a discussão do primeiro ponto da agenda da reunião magna que se subordina a três pontos: Situação do Clube, Apresentação do Programa de Actividades e Orçamento para 2018 e a Apresentação e Aprovação do Regulamento do Clube.
O Ferroviário de Angola foi fundado a 13 de Junho de 1915.