Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

FIA vai realizar testes de segurança

09 de Julho, 2017

Certo é que as equipas já foram avisadas de que haverá uma forma de protecção da cabeça para os pilotos em 2018.

Fotografia: AFP

A FIA divulgou a primeira imagem do “escudo”, protecção dos Fórmula 1 que será testada nos primeiros treinos do Grande Prémio da Grã-Bretanha, dentro de uma semana. O teste será realizado pela Ferrari Esta será a primeira vez que será testado a peça de policarbonato em forma de escudo.

\"Com o objectivo de recolher o ‘feedback’ dos pilotos nesta fase de desenvolvimento, serão realizados testes na primeira sessão de treinos livres para o Grande Prémio da Grã-Bretanha. Os testes serão realizados com a Ferrari\", informou a FIA em comunicado.
A protecção, que está a ser desenvolvida pela italiana Isoclima, é a terceira solução proposta depois do \"Halo\" e do “Aeroscreen”, destinada a aumentar a protecção na região da cabeça dos pilotos.

A diferença é que o “escudo”, que se estende ao longo do nariz dos monolugares de Fórmula 1 até à frente dos pilotos, tem um desenho mais atraente e menos intrusivo que o “Halo”. Várias versões estão a ser estudadas, sendo que uma delas – assente num Williams – foi a divulgada pela FIA.

Na mesma nota, a FIA prevê realizar os primeiros testes em pleno em Setembro, no âmbito do Grande Prémio de Itália, 13.ª prova do Mundial, marcada para o circuito de Monza, em 3 de Setembro. Se o “escudo” for aprovado, a FIA está determinada a avançar com a sua introdução já para a temporada de 2018. Certo é que as equipas já foram avisadas de que haverá uma forma de protecção da cabeça para os pilotos em 2018. Se o escudo não estiver pronto, será o “Halo” o introduzido.