Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Filipe Cruz anuncia convocados para o campeonato Africano

23 de Dezembro, 2015

Felipe Cruz anuncia hoje os convocados para a selecção que vai disputar o campeonato africano

Fotografia: M. Machangongo

O Seleccionador Nacional sénior masculino de andebol, Felipe Cruz, convoca hoje a selecção nacional que deve iniciar amanhã a preparação, para  a 22ª edição do campeonato africano sénior masculino de andebol, que se disputa no Egipto, de 21 a 30 de Janeiro. A equipa é convocada com pelo menos 15 dias de atraso, devido à falta de verba para o arranque dos trabalhos.

Conforme apuramos, uma parte do valor necessário para a participação na prova, já foi disponibilizada pelas entidades competentes. A Federação Angolana de Andebol faz esforços para a obtenção de divisas, que possam permitir  a realização de um curto estágio, no Egipto, onde a equipa de Filipe Cruz pode efectuar entre quatro a cinco jogos de controlo.

Angola, quarta classificada da última edição,  pretendia tomar de assalto o pódio da competição, mas pode ser levada a redefinir objectivos em função do arranque atribulado da preparação. Angola integra o grupo B, juntamente com as similares da Tunísia, RDC, Quénia, Líbia e Congo.

Na primeira jornada, a 21 de Janeiro, os pupilos de Filipe Cruz defrontam o Quénia, equipa que não esteve inscrita nas duas últimas edições da competição.

Na segunda jornada, a 22 de Janeiro, a equipa defronta a similar da Líbia, equipa que segurou a lanterna vermelha na prova disputada em Argel, em 2014. No dia seguinte, a selecção nacional vai precisar de mais esforço, porque vai ter pela frente a similar da República do Congo, sétima da tabela geral da última prova.

Angola cumpre a pausa prevista no dia 24, para no dia 25 defronta a RDC, outra equipa do meio da tabela. Depois desse percurso, a selecção nacional defronta a candidata Tunísia, a 26 de Janeiro, no encerramento da fase de grupos da prova.

A competição vai ser jogada por 12 equipas, subdivididas em dois grupos. O grupo A é constituído pelas selecções da Argélia (campeã), Nigéria, Camarões, Marrocos, Egipto e Gabão.