Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Funcionamento das Associações preocupa as autoridades lundas

21 de Dezembro, 2013

O Campo de Ténis é o único espaço disponível na cidade do Dundo para desportos de sala de educação física dos alunos

Fotografia: Jornal dos Desportos

O desempenho de várias Associações desportivas na Lunda -Norte, quer em termos administrativos quer desportivos, preocupa o director provincial da Juventude e Desportos, Julião Salvador. O responsável alertou que vai trabalhar cada vez mais para permitir um melhor enquadramento na estrutura dos seus filiados para melhorar o funcionamento das Associações no futuro.

Em relação ao programa de actividades realizado em 2013, no Dundo, Júlio Salvador disse, sem mencionar as modalidades, que a preocupação deve-se ao facto de as instituições desportivas não estarem enquadradas de acordo com as normas estabelecidas, além da letargia dos responsáveis desses órgãos. Por isso, o responsável afirmou que se regista na localidade o enfraquecimento de níveis técnico, competitivo, atlético, entre outros aspectos.

Disse também, que há morosidade na remessa dos programas e planos de necessidades para a época desportiva 2014, junto da sua instituição, além da falta de legalização de alguns clubes.

“A maioria, das Associações desportivas não está configurada, naquilo que são as normas estabelecidas, pois há necessidade de trabalhar num melhor enquadramento, para proporcionar o funcionamento. Na nossa província, temos a infeliz realidade de ter direcções, que não têm clubes filiados”, alertou.

O dirigente desportivo aconselhou a classe empresarial na região, a apostar no desporto, à semelhança do que se faz nas áreas como o comércio. Júlio Salvador lembrou que a província tem competências (talentos) humanas para o desenvolvimento de várias actividades.

Na Lunda- Norte existe as associações de futebol, ténis de campo, andebol, atletismo, boxe, ciclismo, judo, futebol de salão e xadrez, além dos núcleos de karate-dó, basquetebol e desporto adaptado e ainda duas escolas (ginástica e voleibol).

ESCOLAS DE ANDEBOL
Com vista ao desenvolvimento do desporto na província da Lunda- Norte, a direcção da Juventude e Desportos prevê a constituição de quatro escolas de formação, na modalidade de andebol em 2014. O anúncio foi feito por Julião Salvador, director provincial da instuição.

Julião Salvador disse que consta das prioridades para o próximo ano, o relançamento da actividade desportiva, com a criação de centros para formação de jogadores nos municípios de Cambulo, Cuango, Tchitato e Lucapa, das nove circunscrições que compõem o território provincial. As escolas vão absorver outras modalidades, como o basquetebol e o futebol.

Julião Salvador, indicou que o projecto já foi apresentado aos responsáveis da província e vai ter como base a camada infanto-juvenil, nas classes masculina e feminina, para proporcionar a revitalização do andebol naquelas áreas, onde já se praticou.

Sem precisar o orçamento para a implementação de infra-estruturas, o dirigente referiu que a sua concretização depende da mobilização de verbas. Para sustentar o projecto, Julião Salvador disse que vão ser levadas a cabo várias acções de formação nos domínios de treino, dirigismo desportivo, entre outros aspectos, numa iniciativa do Governo provincial, de formas a contribuir para o desenvolvimento da província.

Actualmente, o andebol encontra-se inactivo, resultante da inexistência de campos próprios, sobretudo, nas localidades de Lucapa e Cuango, ao passo que, na vila mineira do Nzagi (Cambulo), a actividade encontra-se paralisada há sensivelmente dois anos, devido à reabilitação do campo, ainda em obras, mas em fase conclusiva.

Desde a destruição dos dois campos em 2007 pelo governo, o andebol é praticado no centro da cidade do Dundo , num espaço concebido para a disciplina de ténis de campo.


INFRA-ESTRUTURA
Pavilhão do Dundo
tem novo espaço


A construção de um pavilhão multiuso do Dundo, com três mil lugares, no município de Tchitato, está adiada para 2014, devido à transferência do local destinado à obra. A informação foi prestada por Julião Salvador, director provincial da Juventude e Desportivo da Lunda -Norte.

As obras de construção do pavilhão estavam agendadas, inicialmente, para 2013, mas o facto da infra-estrutura desportiva ter sido projectada nas proximidades de uma das extremidades da pista do aeroporto do Dundo punha em risco a segurança da população.

A propósito, esteve no início do mês em curso no Dundo, uma equipa técnica do ministério de tutela a trabalhar com a empresa responsável pela obra. Por isso, indicou que o empreendimento, primeiro do género na província, sofreu uma ligeira mudança na área, mas na mesma localidade de Samacaca, e deve receber as modalidades de andebol, basquetebol, futebol de salão e inclui também áreas administrativas.

Garantiu que as obras da nova infra-estrutura desportiva iniciam definitivamente nos próximos 90 dias, já que existem condições necessárias (materiais, meios técnicos e pessoal), para a execução dos trabalhos.

Sem avançar custos em relação ao futuro pavilhão, Julião Salvador perspectivou uma melhoria na rede infra-estrutural, e maior dinamismo no desporto, com vista o desenvolvimento da província em geral.


POLIDESPORTIVO
Massificação no Moxico
descobre mais talentos


A massificação das modalidades de futebol, andebol, basquetebol, xadrez, ginástica, futsal, entre outras, nas escolas, resultou na descoberta de mil e 76 novos talentos no Moxico. A informação consta do relatório anual da direcção provincial da Juventude e Desportos, que aponta à envolvência “séria” das 11 Associações provinciais desportivas e dois clubes federados como razão do êxito.

Os talentos foram descobertos em torneios e campeonatos escolares realizados durante o ano, com ênfase dos III Jogos Escolares realizados em Agosto, na cidade do Luena, província do Moxico.

Durante os eventos desportivos de 2013, indica a fonte, foram envolvidos 43 técnicos, 44 árbitros, 242 praticantes e 29 mil e 773 amadores. O documento destaca o terceiro lugar obtido pelo FC Bravos do Maquis, como um dos maiores feitos desportivos do ano na província, além da participação da província nos VII Jogos Nacionais Escolares, decorridos no Uíge, promoção da marcha e do festival de patinagem em saudação ao 41º Mundial de Hóquei em Patins, decorrido nas províncias angolanas de Luanda e do Namibe.

A conquista do campeonato nacional de futebol com muletas pelo Misto do Moxico, no mês de Agosto, no Kuando-Kubango, e o acompanhamento da evolução de vários campeonatos e torneios provinciais e representações nos nacionais, entre outras actividades, foram igualmente realçados no relatório de balanço da direcção dos Desportos.

A instituição renova o compromisso de continuar a promover a generalização da prática desportiva junto dos jovens, mulheres e idosos, reforçar os mecanismos de prospecção de talentos, com especial atenção ao desporto escolar, bem como garantir os pressupostos básicos necessários para se coordenar e desenvolver o desporto na vertente do alto rendimento.