Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Gasto conquista GP Fora Area

Helder Jeremias - 31 de Janeiro, 2019

Francisco Gasto ( direita) superou atiradores do 1 de Agosto

Fotografia: Vigas da Purificao| Edies Novembro

Francisco Gastão começou a época 2019 em grande plano. O atirador do Interclube venceu a primeira contagem do Campeonato Nacional de Fosso Olímpico, disputada no último fim-de-semana no campo de tiro do Regimento de Defesa Antiaérea Nacional, localizado no bairro Cantinton, em Luanda. Nas posições imediatas ficaram os atletas do 1º de Agosto, Hírio Baião, e  do Clube de Tiro e Pecas do Lubango, Yuri Salvaterra.
Denominado Grande Prémio Força Aérea Nacional, o evento esteve inserido nas celebrações do 43º aniversário daquele ramo das Forças Armadas Angolanas assinalado a 21 de corrente.
O clube anfitrião procurou chegar ao pódio, mas a pontaria não permitiu. Elisandro Costa lida melhor com manobras de caças militares e contentou-se com o quarto lugar. Com o mesmo propósito seguiram na lista Fernando Perestrelo (1º de Agosto) e Jorge Nobre (Interclube).
A extensão de galardoados abrange a outras classes. O anfitrião Demóstenes Solunga destacou-se na luta pelo troféu Torneio FAN. O presidente do Interclube, Alves Simões, exibiu-se sem concorrência por perto na classe de Veteranos. Zidane Freitas foi o atleta com maior precisão na classe júnior.
No final da competição, o atirador da Força Aérea Nacional, Demóstenes Solunga, mostrou-se satisfeito por arrebatar o primeiro troféu da época.
\"Esse resultado encoraja não só a minha pessoa, mas todos os membros do nosso clube para continuar a trabalhar com elevada determinação e entrega. Pretendemos melhorar todas as classificações anteriores\", disse.
O também coordenador do Complexo 21 de Janeiro agradeceu a todas as equipas presentes por contribuírem pelo sucesso do arranque da competição nacional. Demóstenes Solunga reitera a predisposição do clube da FAN manter serviços de excelências em prol do desenvolvimento do tiro nacional.
Na classificação de clubes, o campeão em título manteve a hegemonia. Com 303 pontos, o 1º de Agosto relegou o Interclube para o segundo lugar com 284 pontos e o clube anfitrião, Força Aérea Nacional, para o fecho do pódio com 278 pontos.
A jornada inaugural do \"Nacional\" de Fosso Olímpico fez ainda disputar uma prova nocturna. O atirador do Interclube, Caly Mendonça, foi o vencedor e bateu na concorrência Joaquim Fraire e Hírio Baião.
O Grande Prémio Força Aérea Nacional contou com as presenças de altas personalidades daquele ramo das Forças Armadas Angolanas. A confraternização no final agradou aos atletas e dirigentes.
A segunda contagem do campeonato nacional de fosso olímpico vai ser disputada de 1 a 3 de Março no campo de tiro do Interclube, localizado em Teka-Kuna, a sudoeste de Luanda. O evento consta das festividades alusivas a mais um aniversário do Ministério do Interior, a ser assinalado no dia 28 de Fevereiro.