Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Godinho pode ser confirmado como vice

05 de Outubro, 2016

Presidente da Federação tem chances

Fotografia: Jornal dos Desportos

O angolano Pedro Godinho pode ser confirmado nos próximos dias, segundo vice-presidente da Confederação Africana de Andebol (CAHB), para o quadriénio 2016/2020, durante a assembleia-geral do órgão reitor da modalidade no continente, a decorrer de 12 a 16 de Outubro, na Guiné Equatorial.

Pedro Godinho pode beneficiar da desistência dos candidatos da Tunísia e da Líbia, que não reúnem os requisitos necessários para ocuparem a vaga.

O presidente da Federação angolana da modalidade deixa o país no próximo dia 10, com destino a Malabo, local da reunião magna onde o presidente cessante da CAHB, Aremou Monsourou, concorre à própria sucessão. Com o cargo  de segundo  vice-presidente da CAHB, Pedro Godinho passa automaticamente a membro da Federação Internacional  de Andebol ( IHF).

Convocatória Pré-selecção
reúne hoje na sede da FAAND

Dezoito jogadoras foram na segunda-feira convocadas para os trabalhos da pré-selecção nacional sénior feminino de andebol, com vista à fase final da XXII edição do Campeonato Africano das Nações (CAN'2016), a disputar-se de 26 de Novembro a 07 de Dezembro, em Luanda.

De acordo com a convocatória distribuída à Angop, as atletas pré-seleccionadas devem  apresentar-se hoje, quarta-feira (5 de Outubro), na sede da Federação Angolana de Andebol (FAAND) para um encontro de concertação. A formação do Clube Desportivo 1º de Agosto, com 10 jogadoras, é a que maior número forneceu, seguida pelo Petro de Luanda (4), Progresso Associação do Sambizanga (3) e Marinha de Guerra (1).

Lista das jogadoras: (Guarda-redes) - Teresa de Almeida  (Petro de Luanda) e Neide Barbosa, (Progresso do Sambizanga) - Meias-distâncias  -   Azenaide Carlos, Vilma Nenganga, Magda Cazanga, (Petro de Luanda), Isabel Guialo (1º de Agosto) e Lourena Carlos (Progresso do Sambizanga), Universais – Lurdes Monteiro, Luísa Kiala e Wuta Dombaxi (1º de Agosto), Pontas – Janeth dos Santos (Progresso do Sambizanga), Dalva Peres (Marinha de Guerra), Juliana Machado, Natália Bernardo, Joelma Viegas e Carolina Morais (1º de Agosto), Pivot – Albertina Kassoma e Liliana Venâncio (1º de Agosto).

A Selecção Nacional é orientada pelo técnico Filipe Cruz, que também levou a equipa aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, que conquistou o oitavo lugar.