Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

GP Kizomba Ku agita pilotos da capital

Hlder Jeremias - 12 de Setembro, 2019

Fotografia: Edies Novembro

Depois de verem, já em última hora, cancelado o Grande Prémio Nossa Senhora do Monte, que a cidade do Lubango devia albergar no quadro das actividades inseridas nas festas da cidade, por razões alheias à vontade dos efectivos da comissão de gestão da Associação luandense, os pilotos das categorias 250cc, 150cc e moto 4 (450cc), sentem-se reconfortados por proporcionar um espectáculo de grande envergadura ao agradável público em terras da Palanca Negra Gigante.  As autoridades locais fazem questão de massificar o motocrosse no seio da juventude, que tem afluído em grande força em cada edição até agora realizada.
Sob o lema “Malanje em Festa” a prova tem em agenda duas mangas, de cada categoria acima referida, também pode contemplar uma exibição de pilotos de kupapata (motorizadas dos 50cc), dado o grande movimento de jovens que se dedica ao motociclismo na referida categoria, no intuito de angariar habilidades técnicas que  permitam, num futuro próximo, ascender aos escalões superiores.
Com o Campeonato Provincial de Luanda já na etapa conclusiva, é notória a preocupação dos pilotos mais sonantes da capital em criar as condições técnicas necessárias, para que a fase derradeira seja marcada por uma tónica de resultados positivos.
Dirigentes de equipas, entre outros responsáveis da Associação Provincial de Motocrosse de Luanda deixam a capital do país, nas primeiras horas de amanhã, com destino à província de Malanje, com vista à disputa do Grande Prémio Kizomba KU Malanje, a ter lugar no sábado, a partir das 13h00, no circuito local, em alusão ao 30º aniversário da Liga da Velha Guarda, época com o maior prestígio possível e que não seja posta em causa.
Neste contesto, jovens como Fernas Baptista, Zé Cazenga, Augusto Congo, Branquinho Pina, Alfredo Chilala, entre outros de grande nível técnico, na categoria rainha (250cc), não têm poupado  esforços no que tange à preparação física, que passa pela presença regular no ginásio, uma alimentação rica em vitaminas e calorias, sem descurar a componente técnica que vão aprimorando com sessões de treino individuais, em locais fora da localidade.
O coordenador - adjunto da comissão de gestão da Associação Provincial de Motocrosse de Luanda, Osvaldo Gouveia, disse em declaração à reportagem do Jornal dos Desportos, que a instituição está satisfeita com as garantias dadas pelas autoridades de Malanje quanto a disponibilidade dos meios necessários para que o evento seja realizado com pompa e circunstância, razão pela qual fortalece a crença de que “tudo sairá de feição  e o público vai viver momentos de muita emoção”.
No calendário, da presente época, constam ainda duas provas, isto é, o Grande Prémio Paddock, marcado para dia 5 de Outubro, no circuito do Gamek, em Luanda, que culmina com o Grande Prémio Ndalatando, agendado para dia 9 de Novembro, na província do Cuanza - Norte.