Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Gurreiros partem para estgio na Argelia

06 de Janeiro, 2020

Trabalhos de campo e de ginsio vo atarefar hoje o sete nacional

A Selecção Nacional sénior masculina, que prepara a participação no Campeonato Africano de Rades, Tunísia, faz hoje, segunda-feira, pela manhã, trabalho de ginásio e à tarde efectua trabalho de campo, para amanhã seguir para Argel, Argélia, onde vai efectuar um curto estágio competitivo, antes de apresentar-se na prova.
Na cidade argelina a equipa nacional, também conhecida pelo nome de "Guerreiros", pode efectuar entre três a quatro jogos, num torneio com equipas da região. A equipa nacional só trabalha há duas semanas do campeonato africano (desde 18 de Dezembro)  no qual pretende, ao menos, repetir o terceiro lugar das duas últimas participações e garantir presença no Campeonato Mundial do Egipto, em 2021.
Uma empreitada difícil, na medida em que os principais concorrentes, Egipto, Tunísia, Argélia e Marrocos, ávidos das qualificações para aquelas importantes competições, efectuam jogos de elevada competitividade com adversários europeus.
Nelson Catito, timoneiro que à última hora foi chamado a render Filipe Cruz, não faz caso das agendas dos adversários e direcciona o seu trabalho no acondicionamento físico. Por esta razão, o treinador lamentou o dia perdido, no sábado, em que pretendia efectuar a última sessão de acondicionamento físico específico, mas que foi impedido pelas enxurradas que se abateram sob a capital.
O acondicionamento físico tem a ver com o desenvolvimento de qualidades físicas básicas, para a obtenção de um desempenho. É específico quando realizado antes de qualquer actividade física, cuja exigência de esforço seja maior que o normal, para iniciar todos os órgãos do atleta e proporcionar a ele o máximo desempenho.
O treinador pretendia trabalhar no estádio da cidadela. Os atletas desceram à pista do recinto, que apresentava uma relva impecável apesar das chuvas da véspera, mas mal começaram a correr, nova descarga obrigou-os a parar.
Nelson Catito, treina com 16 jogadores, nomeadamente, Geovani Muachissengue e Custódio (guarda-redes); Gabriel Teka, AgneloKitongo e Jairoslav Catraio (pivôs); Manuel Nascimento, Rome Hebo e Edgar Abreu (universais); Mário Tati, Feliciano Coveiro, Edvaldo Ferreira e Sérgio Lopes (laterais); Adilson Maneco, Elsimar Pedro, Otiniel Pascoal e Cláudio Chicola (pontas).
Na prova, Angola integra o grupo preliminar B, juntamente com as selecções do Gabão, Líbia e Nigéria. Na estreia, a Selecção Nacional vai defrontar a similar da Nigéria.