Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Hamilton conquista "pole position"

14 de Abril, 2013

Emoções vão marcar hoje o Grande Prémio da China com os os melhores pilotos a centralizarem as atenções da prova

Fotografia: AFP

O britânico Lewis Hamilton (Mercedes) vai partir de hoje na “pole position” para o Grande Prémio da China, terceira prova do Campeonato do Mundo de Fórmula 1.
O campeão do Mundo em 2008 foi o mais rápido na qualificação pela 27.ª vez na carreira e conseguiu a sua primeira “pole position” ao serviço da marca alemã, ao cumprir os 5.541 metros do circuito de Xangai em 1.34,484 minutos, menos 277 milésimos de segundo do que o finlandês Kimi Raikkonen (Lotus), campeão em 2007, que obteve o segundo melhor tempo.

O espanhol Fernando Alonso (Ferrari), campeão do Mundo em 2005 e 2006, vai sair da terceira linha da grelha de partida, ao lado do alemão Nico Rosberg (Mercedes), que foi quarto na qualificação, e à frente do brasileiro Felipe Massa (Ferrari) e do francês Romain Grosjean (Lotus).
A seguir aparecem o australiano Daniel Ricciardo (Toro Rosso) e o britânico Jenson Button (McLaren), ambos à frente do tricampeão do Mundo Sebastian Vettel (Red Bull), que se quedou pelo nono posto após falhar a terceira parte da qualificação, e do australiano Mark Webber (Red Bull), cuja eliminação na segunda fase de qualificação o relegou para o 14.º lugar da grelha.
O Grande Prémio da China de Fórmula 1, terceira prova do Campeonato do Mundo de 2013, disputa-se no domingo, a partir das 15h00 locais (8h00 em Angola).

MASSA DOMINA
SEGUNDA SESSÃO

O brasileiro Felipe Massa (Ferrari) realizou sexta-feira o melhor tempo da segunda sessão de treinos livres do GP da China, que se realiza em Xangai.
Massa levou a melhor sobre Raikkonen (Lotus) e Alonso (Ferrari), que obtiveram o segundo e terceiro melhor tempo, respectivamente.
Na quarta posição ficou o alemão Nico Rosberg (Ferrari), que tinha feito o melhor tempo na primeira sessão de treinos livres.
Destaque ainda para a décima posição do actual líder do Mundial e campeão em título, o alemão Sebastian Vettel (Red Bull).