Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Harden leva a melhor sobre LeBron

03 de Março, 2015

Harden leva a melhor sobre LeBron

Fotografia: AFP

Houston Rockets e Cleveland Cavaliers enfrentaram-se no Texas, mas o confronto parecia mais uma disputa pessoal entre James Harden e LeBron James, dois dos principais candidatos ao prémio de MVP (jogador mais valioso) da época. O jogo teve provocações de ambos os lados, dribles desconcertantes e até uma agressão do extremo-base do Rockets, além de arremessos incríveis do astro do Cavaliers. Mas no fim, LeBron falhou, Harden agradeceu e a equipa da casa venceu por 105 a 103, no prolongamento.

O que se viu a partir do terceiro quarto mais parecia uma partida de "playoffs2. LeBron e Harden decidiram assumir o protagonismo e muitas vezes pareciam ignorar os companheiros. Em vários momentos, inclusive, um marcou o outro, o que só aumentou a tensão.Harden chegou a deixar a sola do pé em LeBron após ser derrubado e depois respondeu com um drible desconcertante, que quase levou o adversário ao chão.

Mas LeBron exagerou, chamou demais a responsabilidade e tentou incríveis 35 arremessos e converteu 15. O que impressionou negativamente foi a sua marca nos lances livres, apenas três convertidos em 11 tentados. Dois desses erros aconteceram a poucos segundos do fim do prolongamento, quando o Cavaliers perdia por um ponto e podia ficar à frente no placar. Sem tempo para tentar uma nova reacção, a equipa foi derrotada.

Apesar dos erros, LeBron terminou como cestinha do confronto, com 37 pontos, além de oito ressaltos, auxiliado pelos 21 pontos de Kevin Love e os 14 pontos e 19 ressaltos de Tristan Thompson. No Rockets, destaque para Harden, que anotou 33 pontos e oito ressaltos, e para Terrence Jones, com 19 pontos.A vitória deixou o Rockets em terceiro na Conferência Oeste, enquanto o Cavaliers perdeu a oportunidade de ultrapassar o Chicago Bulls na terceira posição do Leste. O Bulls perdeu diante do Los Angeles Clippers, quinto no Oeste, por 96 a 86, em casa.

Mais uma vez Chris Paul e DeAndre Jordan foram os responsáveis pela vitória. O base anotou um "double-double", com 28 pontos e 12 assistências, enquanto o poste terminou com nove pontos e 26 ressaltos. Pelo Bulls, somente o suplente Nikola Mirotic se mostrou em dia inspirado, ao marcar 29 pontos e obter nove ressaltos.Líder da Conferência Oeste, o Golden State Warriors teve mais trabalho que o esperado, mas conseguiu uma incrível viragem para derrotar o Boston Celtics por 106 a 101, fora de casa. A equipa de Oakland esteve a perder por 26 pontos, mas recuperou graças a Stephen Curry, autor de 37 pontos. Klay Thompson ainda contribuiu com 20, o mesmo número de Isaiah Thomas, cestinha do rival.

RUSSEL WESTBROOK
Base do Thunder passa por cirurgia


O base Russell Westbrook vai ficar pelo menos uma partida afastado do Oklahoma City Thunder na NBA, justamente quando vivia o melhor momento da carreira. O craque sofreu uma fractura no rosto durante a derrota com o Portland Trail Blazers, na última sexta-feira, e  teve de passar por uma cirurgia no sábado. A previsão é estar afastado um jogo, mas há a possibilidade de ficar de fora noutras partidas. Com isso, o Thunder vai ter de sobreviver sem os seus dois principais jogadores, uma vez que Kevin Durant, também lesionado, já está ausente há algumas semanas.

Mesmo sem Durant, a equipa consegue bons resultados graças a Westbrook, que chamou para si a responsabilidade e teve um mês de Fevereiro histórico. Foram 31,2 pontos, 9,1 ressaltos e 10,3 assistências por jogo, levando o Thunder a uma campanha de nove vitórias e três derrotas no período, alçando-o à oitava posição na Conferência Oeste.Mas durante o duelo com o Blazers, quando o base anotou o seu terceiro "triple-double" seguido, com 40 pontos, 13 ressaltos e 11 assistências, sofreu uma joelhada no rosto pelo seu próprio companheiro, Andre Roberson. O choque gerou uma fractura no osso do lado direito da face.