Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Hating pede demissão de Bach

11 de Fevereiro, 2017

O alemão Christoph Harting, campeão olímpico do lançamento do disco

Fotografia: AFP

“Thomas Bach devia demitir-se para que o COI tenha um novo líder, que defenda o desporto limpo de forma consistente”, referiu o atleta, de 26 anos, em entrevista ao jornal Berliner Morgenpost.

Para Christoph Harting, “os ideais olímpicos perderam credibilidade nos últimos anos”, pelo que “há a necessidade de reformas transparentes, compreensíveis e duráveis”, caso contrário, o germânico teme que os Jogos “morram lentamente até 2040”.

O campeão olímpico no Rio2016 não entende porque Bach não excluiu o comité russo da competição, depois de um relatório da Agência Mundial Antidopagem ter apresentado provas de doping generalizado na Rússia.

Em Julho, o irmão mais velho de Christoph Harting, Robert, campeão olímpico do disco em Londres2012, já tinha acusado Thomas Bach de ser “um elemento que faz parte do sistema (doping)”.

Christoph Harting defendeu também que “todos os atletas que recorrerem ao doping em consciência, devem ser banidos do desporto”.

“Daria apenas uma segunda oportunidade a atletas com análises positivas por terem tomado, de forma não deliberada, medicamentos ou suplementos”, frisou o atleta alemão.