Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Modalidades

Huíla pesquisa novos talentos

Gaudêncio Hamelay, no Lubango - 10 de Março, 2013

A Associação Provincial do Desporto Adaptado da Huíla está a efectuar um trabalho de pesquisa

Fotografia: Jornal dos Desportos

A Associação Provincial do Desporto Adaptado da Huíla está a efectuar um trabalho de pesquisa junto da única escola do ensino especial existente no Lubango para a descoberta de talentos com habilidades para a prática do desporto. O secretário-geral da Associação do Desporto Adaptado da Huíla, Eduardo Samuel José, disse ao Jornal dos Desportos ser igualmente pretensão da instituição estender a prática do desporto adaptado aos restantes municípios da província no decurso deste ano. “Estamos a efectuar um trabalho específico na Escola do Ensino Especial do Lubango. Também estamos a levar a acabo o mesmo trabalho nos municípios onde os atletas paralímpicos se encontram abandonados e precisam uma visão estratégica. Esses indivíduos têm de ser motivados para a prática do desporto”, disse.

Eduardo Samuel José avançou que a inexistência de uma sede própria tem dificultado o trabalho administrativo da associação, que pretende elevar o número de atletas praticantes. Para o responsável, os apoios da classe empresarial chegavam com mais facilidade se a instituição tivesse um espaço para acolher as pessoas. Outra preocupação manifestada pelo secretário-geral prende-se com a falta de um meio de transporte para ajudar os atletas paralímpicos das suas residências para os locais de treino e vice-versa. O responsável defendeu também a formação de técnicos e de monitores nos municípios para ajudar na selecção de atletas para os campeonatos nacionais. A associação do Desporto Adaptado na Huíla controla 65 praticantes nas modalidades de basquetebol, voleibol, futsal e atletismo. A última é movimentada por 53 atletas em ambos os sexos.